Arquivo do mês de julho 2013

«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 9 | 10 | 11 || Next»

Universidades japonesas instalam mesas anti-socialização nos seus refeitórios

LuisaoCS

Universidades japonesas instalam mesas anti-socialização nos seus refeitórios

Na maioria das culturas, ir almoçar com os amigos ou colegas de trabalho é uma ótima maneira para arejar a mente fora do trabalho e relaxar, mas parece que é exatamente o que os estudantes na Universidade de Kyoto estão tentando evitar.

Eles são pessoas ocupadas que nem sempre têm tempo para sentar e jogar conversa fora com os seus pares, por isso, para evitar este tipo de situações desconfortáveis, eles pediram a universidade que adotasse uma solução prática.

Há mesas sempre vazias, onde eles poderiam fazer as suas refeições em paz, mas de acordo com um estudante de engenharia de 22 anos de idade:


O homem é, por natureza, pacífico

LuisaoCS

O homem é, por natureza, pacífico

A crença em que a guerra é parte da natureza do homem é sustentada por sociobiólogos, antropólogos e outros pesquisadores do comportamento humano. Inclusive Edward Wilson, o inventor do campo de sociobiología, certa vez apontou que "a guerra está incrustada em nossa natureza". Isto se baseia não somente na propensão do homem moderno a ir à guerra com seus vizinhos, senão também no comportamento daqueles que ainda vivem uma vida de pré-agricultura (caçadores e coletores).

Mas um ensaio de Douglas Fry e Patrik Sodeberg na mais recente edição da revista Science questiona tudo isto. Os doutores Fry e Sodeberg revisaram tudo o que se sabe a respeito dos caçadores e coletores modernos e sugerem que, ainda que estas pessoas estão longe de ter uma natureza pacífica, também estão longe de ser bélicas. A maioria dos que morrem violentamente em suas sociedades é vitima de pessoas de sua própria tribo, não de "estrangeiros". O estudo sugere que os humanos poderiam ser chamados "assassinos", mas não guerreiros sangrentos como guarda o folclore antropológico.


Fotógrafo tira mesma foto há 13 anos para ver seu envelhecimento

LuisaoCS

Fotógrafo tira mesma foto há 13 anos para ver seu envelhecimento

O fotógrafo norte-americano Noah Kalina criou um projeto que denominou "Everyday" ("a cada dia", em sua tradução em português) para o qual há 13 anos tira um auto-retrato de seu rosto todos os dias e as publica em seu blog. A ideia é mostrar a passagem do tempo em seus traços.

Para dar viralidade a sua ideia, Kalina organizou as fotografias em uma sucessão cronológica e editou em um vídeo publicado em seu perfil do YouTube e outras redes sociais. A primeira vez que fez isso foi em 2006 e seu sucesso foi tão grande que foi incluído na programação de diversos canais de TV na gringolândia. Até Os Simpsons se inspiraram na ideia para em um de seus capítulos mostrar os 39 anos de Homer.


9 truques de baixo orçamento que vão tornar sua vida melhor

LuisaoCS

Hoje em dia, a criação de novos itens tecnológicos chega ao limite do injusto. Muitas vezes acabamos de comprar um aparelho bacana e amanhã a fábrica lança um novo modelo, fazendo nos sentir uns tolos que rasgam dinheiro. Se você é mais um mergulhado neste mundo das novidades e já está cansado de comprar acessórios caros para seus dispositivos ainda mais caros. Aqui estão alguns hacks "comofaz" rápidos que você pode usar para poupar seu pobre dinheirinho.


O que os ursos canadenses fazem quando não tem ninguém olhando?

LuisaoCS

Você já se perguntou o que tem que quando não estamos olhando? Estas imagens foram capturadas por uma câmera de vida selvagem remota instalada no parque Kananaskis Country, que fica bem em frente do sopé das Montanhas Rochosas ao oeste de Calgary, em Alberta, no Canadá.

No vídeo podemos ver como várias espécies fazem uma espécie de "comunicação" se esfregando nas árvores do parque. Assim marcam seu território deixando seu cheiro como se tivesse dando um recado para outros ursos e animais de que esteve por ali.

Os dados estão sendo coletados como parte de um estudo colaborativo que visam conhecer como várias espécies se beneficiam no habitat dentro da paisagem montanhosa.


As mulheres passam quase um ano de sua vida decidindo o que vão vestir

LuisaoCS

As mulheres passam quase um ano de sua vida decidindo o que vão vestir

Um grupo de especialistas afirmou que em média uma mulher passa pelas manhãs no mínimo 16 minutos pensando que roupa vai usar durante esse dia, enquanto curiosamente nos fins de semana essa atividade só lhes toma ao redor de 14 minutos. A mulher perde o maior tempo quando têm que decidir o que usará para ir a uma festa.

Acumulando os minutos, e fazendo as contas no final perdem um total de 287 dias em média ao longo da suas vidas.

Um porta-voz da empresa de roupas Matalan, que compilou os resultados, disse:


Notícias de um mundo passado (1981): um invento chamado Internet

LuisaoCS

Um novo invento que permite ler um jornal integralmente, ainda que sem fotos nem anúncios. Basta ligar um número com o telefone [rac rac raaaac] para se conectar com outros computadores. Não é tão rápido quanto parece, mas os jornais estão investindo muito dinheiro para fazer com que tudo isto funcione melhor. Não quer estejam fazendo isso por dinheiro -de fato não parece que vão perder muito, nem também ganharão muito- senão que é só mais um experimento.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 9 | 10 | 11 || Next»