«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 578 | 579 | 580 |...| 603 | 604 | 605 || Next»

Universidade Americana Seton Hill entregará um iPad à cada estudante

LuisaoCS

iPade de graça

Eu já tinha ouvido falar de algumas universidades que entregam notebooks a seus estudantes e agora farão o mesmo com iPads. A universidade Seton Hill de Greensburg, na Pensilvânia informou que vai dar um iPad da Apple a cada um dos seus estudantes com cursos de tempo integral.

Me parece evidente que os universitários terminarão amortizando o valor do dispositivo com o pagamento das suas mensalidades, mas não informaram se o uso do tablet será obrigatório ou permitirão a quem desejar que continuem usando seus portáteis e livros de papel, e que por sua vez apareçam centenas de iPads no eBay.

Seja como for, não resta nenhuma dúvida que a venda de jogos na App Store será considerável com tantos jovens com iPads em suas mãos.

Via | Universidade Seton Hill.


Hackeiam várias contas de e-mail do Yahoo! na China

LuisaoCS

Yahoo! ChinaDepois de toda a polêmica vivida nestes últimos meses entre a Google e o Governo Chinês, da qual logo veremos o desdobramento de novos capítulos proximamente, nas últimas horas surgiu um novo caso no país de invasões de contas de correio eletrônico.

Desta vez os e-mails vulneradas são do Yahoo! e pertencem a vários jornalistas e ativistas que, por casualidades da vida, fazem parte de um grupo de personae nom gratae para o regime totalitário.

Ainda que ainda não esteja muito claro, sabem que ao menos em um dos casos foi o próprio pessoal do Yahoo! que informou a pessoa que sua conta de correio estava comprometida. Segundo outro dos afetados, Andrew Jabos, chegaram inclusive a fazer um redirecionamento para que todas as mensagens que chegassem a caixa de entrada fosse enviada a uma conta de terceiros.

E qual foi a resposta do Yahoo!? Pois ao contrário do Google, fingem que nada aconteceu, minimizam o fato dizendo que "condenamos todos os ataques cibernéticos, independentemente da origem ou propósito". E só.

Como era de esperar ninguém ficou surpreso especialmente por este último caso de incursões em contas de e-mail na China e também não me estranha a postura do Yahoo!, que muito provavelmente tentará ocupar o espaço deixado pelo Google.

Via | readwriteweb.com.


Adaptadores da Netgear para acessar a Internet pela tomada elétrica

LuisaoCS

Adaptador Powerline

A função dos adaptadores Powerline AV 200 da Netgear é converter a instalação elétrica da casa em uma rede local de dados para dispor de conexão a Internet em qualquer tomada.

Deste modo é possível utilizar os plugs das tomadas para ligar computadores ou outros dispositivos repartidos pela casa, como consoles ou discos rígidos multimídia, entre si e/ou com a Internet mediante uma conexão ADSL ou cabo.

Usar a rede elétrica é uma alternativa ao WiFi quando, por exemplo, esta não cobre toda a casa, como pode acontecer em casas com dois ou mais andares, paredes grossas ou grande superfície.

Ainda que atualmente a tecnologia PLC (Power Line Communications) não seja muito explorada comercialmente, esta parece ser uma boa alternativa tecnológica ao Wifi.

A maioria dos adaptadores AV 200 proporcionam cobertura de até 100 Mbps (ou 200 Mbps contando o envio e recepção de dados simultaneamente) em instalações de até 500 m2 e as frequências de trabalho estão ajustadas para não interferir com outros sinais de radiofreqüência.

Via | NetGear.


Um nerd dos anos 80

LuisaoCS

Nerd dos anos 80

Dependendo da sua idade, pode ser que não faça diferença alguma ver a foto acima, mas ela mostra um nerd da época exibindo itens tecnológicos que um dia foram o que de melhor existia em tecnologia. Rádio microsystem no ombro era sinal de status, câmera filmadora não era algo que qualquer um podia ter. Hoje, décadas após, podem até parecer um pouco cômicos, mas todos estes produtos já foram a sensação em seu momento.

  1. Microsystem
  2. Câmera Betamax
  3. Telefone de teclas
  4. Walkman
  5. Gravador cassete
  6. Aparelho de som 2 em 1
  7. Watchman
  8. Fita cassete
  9. Fitas Betamax
  10. Máquina de datilografia eletrônica
  11. Videocassete Betamax

Via | O buteco.


Nebulosa Rosetta

LuisaoCS

Nebulosa Rosetta
Foto de Rogelio Bernal (via APOD)

Esta imagem é da nebulosa Rosetta, uma região de formação de estrelas a mais de 5 mil anos-luz na constelação do Unicórnio. A nebulosa, também conhecida como NGC 2237, 2238, 2239 e 2246, embora seja muito fraca para ser vista a olho nu, é muito famosa por causa da sua impressionante forma que lembra uma flor. A Rosetta está no Braço de Perseu e possui um jovem aglomerado de estrelas em seu centro.


América do Sul em 2036?

LuisaoCS

Mapa da America do Sul inundada

Vários sites e blogs estão publicando esta imagem como se fosse resultado de um estudo científico da NASA que projetaria este estado catastrófico do avanço das águas sobre o continente em função do descongelamento global. Mais falso que nota de 3! O mapa é resultado da mente hiper criativa de Gordon-Michael Scallion, um futurista que adora espalhar teorias do caos desde a época da Internet a lenha. Para ser mais exato, Scallion está vendendo estes mapas e suas sandices desde 1993.


Bombas em implantes de seio: a nova moda do terrorismo

LuisaoCS

Implantes com bombasPeritos em segurança do Reino Unido assinalam que algumas células terroristas no Paquistão estariam praticando cirurgias para inserir bombas em implantes de seios. Um artefato explosivo disfarçado deste modo seria praticamente indetectável para os detectores de metais dos aeroportos. De acordo com os peritos, somente 140 gramas de tetranitrato de pentaeritrina (conhecido comumente como PENT) bastaria para abrir um buraco considerável em um avião.

Joseph Farah, perito em tácticas terroristas, assinala que certas mulheres recrutadas pela Al-Qaeda são conhecidas por terem inserido explosivos nos seios mediante cirurgia. Farah assinala que a operação também é feita para introduzir explosivos nos glúteos. A peculiar técnica foi descoberta após que Umar Farouk Abdulmatullab, uma nigeriana radicada em Londres, tentou explodir uma bomba oculta em sua roupa íntima no dia de Natal.

Após a tentativa frustrada de Umar, os serviços de inteligência britânicos seguiram o fio da meada, até que descobriram que as operações de implantes de bombas eram feitas no Paquistão e Iêmen. O perigo desta técnica deve se ao fato de que é necessário submeter o suspeito por um sofisticado exame de raios X. Além de sua baixa quantidade, o explosivo ainda estaria inserido dentro de um saco de plástico selado, o que o tornaria indetectável em um exame normal de detecção corporal.

Não resta dúvida que a realidade supera à ficção. Esta nova técnica assemelha-se um pouco ao uso das mulas: pessoas que carregam pacotes de drogas no interior de seu corpo com o fim de passar a mercadoria sem que seja detectada. Qual o próximo passo? Fembots? Não dá para descartar nada neste mundo louco, louco.

Via | telegraph.co.uk.


Microvision põe a prova a criatividade da concorrência com seu sistema PicoP

LuisaoCS

Picop Microvision

Se você ainda não tem um picoprojetor em sua seleta coleção de gadgets e nenhuma das opções atuais conseguiu te convencer a compra um, talvez esteja próximo o seu momento: a Microvision começou a enviar as primeiras unidades de teste de seu motor de projeção laser PicoP para que outras empresas se animem a fabricar este tipo de dispositivo. O circuito em questão é menor que alguns outros modelos da empresa, mas mesmo assim possibilita uma resolução WVGA (848 x 480 píxels) e um contraste de 5000:1.

Via | businesswire.com.


SliTaz 3.0, a distro Linux de 8 MB

LuisaoCS

Screenshot do SliTaz 3.0

SliTaz é uma distro GNU/Linux rápida, minimalista e extensível. Foi desenhada desde o zero para trabalhar completamente em RAM em modo Live CD/USB. Não obstante, pode ser instalada em um disco rígido como qualquer outra distribuição. O administrador de janelas é o Openbox, uma das razões de sua rapidez. O exclusivo administrador de pacotes e atualizações é o Tazpkg. Após um ano de desenvolvimento, Christophe Lincoln, seu líder, anunciou a publicação da versão 3.0.


Bolhas no oceano para diminuir a temperatura do planeta

LuisaoCS

Mar borbulhante

O professor Russell Seitz, um físico da universidade de Stanford teve uma ideia para baixar a temperatura do planeta e lutar contra a Mudança Climática: injetar ar no oceano para criar micro bolhas e, desta forma fazer com que os oceanos se mantenham frescos e, ademais reflitam a luz do sol.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 578 | 579 | 580 |...| 603 | 604 | 605 || Next»

Links: