«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 579 | 580 | 581 |...| 598 | 599 | 600 || Next»

Apple patenteia um novo sistema picoprojetor. Incluirá no iPhone 4G?

LuisaoCS

Picoprojetor Apple

Interessante notícia sobre uma nova patente que a Apple tem solicitou ao escritório de patentes e marcas dos EUA. Trata-se de um picoprojetor no qual podemos vislumbrar funções e características interessantes, como a possibilidade de trabalhar com wifi, tipo router/concentrador ao qual poderíamos enviar o sinal para ser projetado, ou as opções de converter em um dispositivo autônomo, por exemplo.


2 em 1 - Cadeira portátil com massageador de pés

LuisaoCS

Cadeira com massageador para pés

Por um lado, temos uma cômoda cadeira portátil, que podemos levar para onde quisermos, que pode ser dobrado formando uma compacta caixa que não ocupará muito espaço no bagageiro ou no armário. E ademais é cômoda. Mas o melhor mesmo será sentido por seus maltratados pés, já que a cadeira incorpora dois massageadores de pés, que farão as delícias das amantes dos sapatos de saltos.

Desenhado por um especialista japonês de Shiatsu, há 4 programas diferentes de massagens, cada um com 15 minutos de duração. O tempo justo para entrar no paraíso do relaxamento.

Via | Funniest Gadgets.


Peixe robô criado para pesquisar os mares

LuisaoCS

Este peixe não é um peixe comum e como poderá apreciar, trata-se de um pequeno robô que foi desenvolvido pela Faculdade de Engenharia da Universidade da Cidade de Osaka e move-se de uma maneira muito real e o mais interessante de tudo isto é que utiliza uma bateria com uma célula auto-recarregável.

O robô, que tem 10cm de comprimento, foi criado com um motor que gasta somente 10 milliwatts de energia (praticamente nada) e além de nadar pode também submergir e flutuar. A ideia de todo este experimento é chegar a construir um robô-peixe que possa nadar durante 3 dias consecutivos com só uma carga e foi criado com a ideia de pesquisar as profundidades do oceano no futuro.


O que acontece se um avião receber um raio em pleno vôo?

LeoSalgado

Para começar, as chances de um raio atingir um avião são muito pequenas. Mas, se essa raridade acontecer, provavelmente o avião sairá ileso. Isso se deve ao revestimento de metal que protege a fuselagem das aeronaves. Como o metal é um ótimo condutor de eletricidade, a corrente elétrica contornará a fuselagem e será descarregada na mesma direção da trajetória inicial do raio. Tudo isso sem comprometer a estrutura interna do avião e seus passageiros.
Abaixo, segue um surpreendente vídeo de um avião recebendo uma descarga elétrica de milhares de Volts e saindo são e salvo:



É importante lembrar que raios também podem partir de uma nuvem em direção à outra nuvem e do solo em direção à uma nuvem, e não apenas de uma nuvem em direção ao solo.

O pó da Via Láctea

LuisaoCS

Pó da Via Láctea

Esta imagem é composta por estruturas de poeira cósmica que estão a 500 anos luz do nosso sol. É a resultante de uma combinação de dados recolhidos pelo Instrumento de Alta Freqüência da sonda espacial Planck nas frequências 540 e 350 micrômetros e outra imagem obtida na faixa dos 100 micrômetros pelo satélite IRAS.

Planck tem um "gêmeo", o observatório Herschel, que é capaz de estudar estas mesmas estruturas com mais detalhe, e esperam que o mapa detalhado deste tipo de estruturas que estão sendo realizados por ambos possa servir para ajudar a compreender melhor a origem do universo, galáxias e estrelas.

Via | ESA.


Talher para os dedos

LuisaoCS

Talher para os dedos

Dizem que a criação é para auxiliar no manuseio, de forma higiênica, de bolos, chocolates, sanduíches, etc. Mas eu não entendi... não é para isso que já existem os talheres? Além de quê a melhor parte do bolo com cobertura de chocolate não é a lambida final no dedo? De qualquer forma, o estúdio de arquitetura(?) Kawamura Ganjavian desenvolveu este conjunto de 3 peças para você literalmente comer com os dedos.


Camiseta com vibrador para corrigir a postura

LuisaoCS

Camiseta para corrigir a postura

A Hammacher Schlemmer é conhecida na gringolândia por vender toda sorte de gadgets, eletrônicos e badulaques imagináveis. A empresa apresentou em seu último catálogo de vendas um interessante gadget: uma camiseta equipada com filamentos especiais que pode ativar um vibrador para avisar a pessoa que ela está curvando as costas para além do limite do saudável. Está disponível em tamanhos M e G para homens e mulheres por 230 reais, que realmente não é muito cara se alguém conseguir hackeá-la discretamente para que em vez de vibrações dê um belo de um choque.


Lamb Rover 4x4

LuisaoCS

Lamb Rover

Em Lamb Rover 4x4 você tem que dirigir uma Land Rover pela fazenda (em 3D) para completar os circuitos de cada nível; quando menos tempo necessite para fazê-lo, mais pontos e por tanto mais dinheiro com o qual depois é possível comprar acessórios, como snorkel para poder atravessar rios e pantanais. Divertido, não requer nada mais que um pouco de habilidade com os controles do veículo.


Canon prepara .canon, seu próprio domínio de nível superior

LuisaoCS

Logo Canon

Manobra de marketing ou puro egocentrismo? Canon apresentou hoje pela manhã uma nota de imprensa na qual desmembra seus planos de adquirir os direitos do domínio .canon ante a ICANN. O gigante japonês se converteria assim em uma das primeiras companhias do mundo a ter seu próprio domínio de primeiro nível (gTLD). Segundo podemos ler no documento, o uso desta nova extensão "propiciaria melhoras as comunicações on-line entre a empresa e seus clientes" e começaria a ser usado no ano que vem.

Em teoria, qualquer um pode hoje em dia ter um gTLD; e digo "em teoria" porque a brincadeira pode custar centenas de milhares de dólares entre registros e demais parafernália. Ao que parece, isto não parece ser um impedimento para Canon, que fechou o ano fiscal de 2009 com rendimentos próximos aos 35 bilhões de dólares.

Via | Canon.


Bits a flor da pele

LuisaoCS

Transmissão de dados corporalOs pesquisadores da Universidade de Seul, na Coréia, não se conformaram somente com a tecnologia wifi. Eles conseguiram transmitir dados através da pele humana a uma velocidade de 10 Mbps.

Na experiência, os eletrodos estavam situados a 30 cm um do outro, em um braço. Estes eletrodos utilizam muita menos energia que a utilizada via RF, como por exemplo mediante a tecnologia Bluetooth. Isso acontece porque as ondas eletromagnéticas de baixa freqüência sofrem menos atenuação através da pele, já que no exterior há mais interferências. Por isso, necessitam menos potência para serem transmitidas.

Os benefícios desta tecnologia se aplicariam sobretudo à medicina: medir a taxa de açúcar no sangue, monitorar a atividade elétrica do coração... Em pacientes que necessitam destes cuidados 24 horas por dia seria extremamente útil, já que seus aparelhos consumiriam menos baterias. Em concreto até 90% menos. Também não precisariam cabos entre os sensores e os receptores de dados, tudo seria transmitido por sua própria pele. Além destes sinais vitais, asseguram que, em um futuro próximo, também poderiam medir eletro-encefalograma de maneira constante.

Imaginem que coisa mais genial conectar-se a internet só metendo o dedo em um buraco do roteador. Só faltariam uns óculos 3D de realidade aumentada para podermos ter nosso próprio HUD, com o nível de vida, como nos videogames.

Via | NewScientist.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 579 | 580 | 581 |...| 598 | 599 | 600 || Next»

Links: