«Prev || 1 | 2 || Next»

Site plagia conteúdo de um blog e faz com que a DMCA apague os artigos originais

LuisaoCS

Site plagia conteúdo de um blog e faz com que a DMCA apague os artigos originais

Imagine só que você tem um blog pessoal no WordPress, escreve conteúdo próprio diariamente, e de um dia para outro, a empresa decide apagar o conteúdo da Internet porque um pequeno site na Índia copiou todo teu conteúdo reclamando-o como dele com uma denúncia à DMCA (Digital Millennium Copyright Act) para que apaguem todos seus artigos plagiados.

Isto aconteceu com o Retraction Watch, um blog WordPress dedicado a realizar o acompanhamento de cientistas quando estes se retratam por uma publicação científica com erros ou falsidades, e que em uma certa manhã seus autores detectaram que faltavam 10 artigos que foram apagados por petição da DMCA.

A explicação do Wordpress foi que receberam a petição por parte de um tal Narendra Chatwal, editor do NewsBulet.In, que assegurava que os artigos plagiados tinham sido escritos e pesquisados por ele, motivo pelo qual solicitou à DMCA que retirasse o conteúdo do blog Retraction Watch. Mas não era assim, e no site reclamante é possível ver bastante material copiado de diferentes fontes.

Este é um novo caso no longo histórico de críticas ao comportamento pouco rigoroso da DMCA. De modo que já sabem, se não gostam de um site basta plagiá-lo, e depois pedir aos cães guardiões do copyright na Internet que apaguem o conteúdo original.

Via | Ars Technica.


10 coisas que os blogueiros deveriam deixar de fazer já

LuisaoCS

Resumo rápido de dez coisas que os blogueiros deveriam deixar de fazer:

  1. Utilizar "clique aqui" como texto para um link.
  2. Utilizar a palavra "Link" como texto para linkar à fonte.
  3. Utilizar a expressão "Após o salto". Em seu lugar usar "Ler mais..." ou "Continuar lendo".
  4. ...Usar "Urgente" -ou qualquer outra tradução de "Breaking"- para indicar uma notícia de última hora.
  5. Encurtar muito os títulos de forma que não sejam entendidos por si mesmos.
  6. Utilizar expressões como "Fail", WTF", "OMG", e similares.
  7. Abusar do superlativo, sobretudo dos absolutos sintéticos.
  8. Utilizar emoticons :-) nos posts.
  9. Terminar os posts suplicando por comentários - "Não esqueça de deixar seu comentário".

Eu acrescentaria não fazer listas do que os outros deveriam ou não fazer em seu próprio blog. Mas devo admitir que com esta lista estou muito de acordo por questões de higiene, estética e dignidade.


Tumblr atinge 20 bilhões de publicações em quase 50 milhões de blogs

LuisaoCS

Tumblr atinge 20 bilhões de publicações em quase 50 milhões de blogs

O serviço de blogging para conteúdos multimídia, Tumblr, está vivendo um grande e inesperado sucesso ao atrair um nicho muito particular de usuários que não se cansam de mostrar conteúdo inovador ao mundo. Assim, agora atingiram os 20.136.947.014 publicações ou posts -que seguem aumentando segundo a segundo-, realizados em 49.866.204 blogs com 45% de participação proveniente dos Estados Unidos, onde a fotografia casual artística e a expressão gráfica é muito popular.

Esta meta é um reflexo do grande crescimento que o portal viu nos últimos meses, já que os números correspondentes a maio de 2011 mostravam 5 bilhões de posts em 17 milhões de blogs, motivo pelo qual é possível afirmar que neste curto tempo o número quadruplicou, sem dúvida representando um grande sucesso para a pequena empresa baseada em Nova Iorque.

Via | The Next Web.


Alguém muito bravo com os comentários...

LuisaoCS

Alguém muito bravo com os comentários...
"Por favor, use os comentários para demonstrar sua própria ignorância, sua falta de familiaridade com os dados empíricos, sua capacidade para repetir memes desacreditados e sua falta de respeito pelo conhecimento científico. Assegure-se também de inventar falácias e argumentar contra coisas que eu não disse nem mesmo de forma implícita. Também será apreciado qualquer coisa irrelevante que possa mencionar. Finalmente, renuncie gentilmente a qualquer mostra de educação em seu discurso... afinal de contas, você é anônimo".

Visto em The Big Picture.


AdBlock Plus permitirá publicidades que sejam aceitáveis

LuisaoCS

AdBlock Plus permitirá publicidades que sejam aceitáveis

Todos aqueles que odeiam a publicidade na internet e confiam na extensão para Firefox e Chrome, AdBlock Plus, para que poupem seus olhos de ver os banners, se preparem, porque o serviço anunciou que daqui em diante admitirá as propagandas que sejam "aceitáveis". Leia se aceitável como publicidade que não seja intrusiva, seja pequena, que não seja pop-up nem que se maximize ou desloque com o scroll, e que não tenha som nem animações.

A razão para esta mudança é uma tentativa de ajudar os sites e blogs menores que precisam de dinheiro para sobreviver na rede. Assim, aqueles sites que tenham publicidade compacta e não incômoda, terão a vantagem de que esta será vista pese o AdBlock.

Mas se ainda assim seus olhos sentem-se muito ofendidos, inclusive pela publicidade "aceitável", a opção poderá ser desativada na configuração do complemento.

Via | AdBlock Plus.


TechCrunch, em pleito com AOL por sua liberdade editorial

LuisaoCS

TechCrunch, em pleito com AOL por sua liberdade editorial

Há um rio revolto em TechCrunch, um dos blogs de tecnologia com maior projeção e influência na rede. Michael Arrington, fundador do site, está fora da AOL, companhia que adquiriu o TechCrunch em setembro do ano passado. Desde uma semana atrás corriam boatos de sua saída, após que um porta-voz anunciou sua demissão depois que descobriram que tinha lançado um fundo de capital de risco com a empresa. Horas depois, AOL desmentiu a saída de Arrington, mas esclareceu que não teria mais nenhuma função editorial no blog. Deste modo, Michael não poderia utilizar TechCrunch para conseguir investidores.


CmdrTaco deixou de ser diretor do Slashdot

LuisaoCS

CmdrTaco abandonou seu posto como diretor do Slashdot

Sei que a notícia do dia é o afastamento de Steve Jobs da Apple e este "climão" de enterro como se o cara tivesse morrido, mas o que poucos sabem é que após 14 anos, depois da publicação de mais de 15 mil posts e ter se tornado uma referência na blogosfera, @cmdrtaco (Twitter) ou Rob Malda (Google+) também abandonou hoje seu posto como diretor do Slashdot.

Steve Jobs na Apple, CmdrTaco no Slashdot e, a bem da verdade, eu também não estou me sentindo muito bem... :-)


2 perguntas aos blogueiros mais influentes da blogosfera brasileira - Budah do Uhull

LuisaoCS

2 perguntas aos blogueiros mais influentes da blogosfera brasileira - Budah do Uhull

Todos conhecemos e frequentamos diversos blogs diariamente, alguns até acabam se tornando postadores efetivos. Mas em geral poucos sabem a opinião do administrador por trás de cada blog. Por isso começamos hoje uma nova seção que entrevista os blogueiros mais influentes da blogosfera brasileira. Nada extenso, somente duas perguntas relacionadas a temática do NDig: Ciência e Tecnologia. Começamos com um grande parceiro de rede, Budah do Uhull:


10 mitos inauditos dos blogs

LuisaoCS

10 mitos inauditos dos blogs

Como a maioria já sabe, um blog é uma um diário on-line que qualquer pessoa pode abrir na internet. Para isso, existem diferentes serviços que permitem fazê-lo de maneira gratuita como o Blogger e WordPress, entre outros. E como qualquer um pode abrir um blog, sobre o tema que quiser, não existem regras específicas para seu manejo; mas vou compartilhar algumas dicas para se dar bem com um blog. Para isso, vou tentar desmistificar alguns assuntos que circulam pela rede:


As quatro melhores soluções para criar e manter um blog

LuisaoCS

Blogosfera

O chamado blogging evoluiu muito desde seu começo. E ainda que agora mesmo o boom da área social tenha feito com que esta atividade se reduza ainda há uma boa quantidade de razões pelas quais vale a pena manter um blog pessoal. Também cabe dizer que agora é bem mais fácil criar e manter um blog, quando antes requeria bem mais trabalho e tempo.

Vamos falar, ainda que superficialmente, das quatro melhores alternativas para manter um blog pessoal. Vale a pena ressaltar que existem outras boas alternativas segmentadas e que permitem total personalização, desde que o futuro blogueiro tenha conhecimentos avançados neste tipo de aplicação. Mas nos centraremos simplesmente no melhor que se pode usado agora mesmo para poder compartilhar as nossas ideias e textos com todo mundo.


«Prev || 1 | 2 || Next»

Links: