«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 24 | 25 | 26 || Next»

Engenheiro testa seu robô de seis patas impresso em 3D

LuisaoCS

O engenheiro norueguês Kåre Halvorsen, mais conhecido como Zenta na cena de tecnologia, criou o MX-Phoenix, um robô de seis patas inspirado em uma aranha, que usa 18 servos-motores diferentes para rastejar sobre terrenos irregulares.

Ele usou servos Dynamixel poderosos da Robotis. O nome MX-Phoenix é inspirado pelo seu primeiro robô de seis patas que ele fez há 10 anos. Diferente da primeira experiência onde não alcançou alguns objetivos, com este modelo ele pretende conseguir, via inteligência artificial de adaptação, uma marcha mais dinâmica junto ao reconhecimento do terreno.


Robô planar elíptico corredor

LuisaoCS

Engenheiros do Instituto da Flórida para Cognição Humana e de Máquina desenvolveram este robô de duas pernas que pode funcionar a velocidades de até 20 km/h. Pode não ser tão rápido quanto a Cheetah da Boston Dynamics, mas nós ainda não queremos perseguir um. Ademais ele foi desenvolvido de forma a se manter correndo em equilíbrio sem nenhum sistema inteligente de controle como sensores ou computadores. Há apenas um motor impulsionando suas pernas. Na simulação os engenheiros estão explorando como estender este conceito ao funcionamento 3D.


Como fazer uma mesa de ping pong para uma pessoa só

LuisaoCS

Nestes dias terríveis onde as pessoas não mais dinpõe de tempo para simplesmente jogar um divertida partida de tênis de mesa, o canal Q demonstra como fazer uma mesinha de madeira para uma pessoa em seu mais recente vídeo tutorial de "como faz".


Um protótipo de drone flexível

LuisaoCS

Os pesquisadores da EPFL se basearam nas brandas asas dos insetos para criar um drone que poderia resolver um de seus maiores problemas. Seu frame é feito da fibra de vidro de 0,2mm, que o torna macio e flexível. Os rotores anexam à eletrônica com juntas magnéticas para maior resiliência.


Esse é Handle, o estranho e novo robô da Boston Dynamics

LuisaoCS

Esta criatura robótica se chama Handle e ficou conhecido faz poucos dias em uma gravação vazada durante uma conferência de tecnologia. Agora, a Boston Dynamics apresentou o robô ao público em seu canal de YouTube e a verdade é que impressiona bastante, sobretudo à medida que avança o vídeo.

Este robô com rodas mede mais de dois metros de altura e pode se deslocar a uns 15 km/h. O mais estranho é a quantidade de movimentos raros que é capaz de realizar, incluindo equilíbrios quase impossíveis, levantamento de pesos e os giros acrobáticos que pode realizar.

Mas o melhor está por chegar ao final do vídeo: também é capaz de saltar acima de obstáculos a mais de 1,20 metros de altura e manejar de forma independente suas duas pernas com rodas, mantendo o equilíbrio enquanto roda por superfícies planas.

Talvez tudo isto resulte um pouco angustiante porque diferente de outros robôs que sempre se assemelham a algum outro animal que já conhecemos, dessa vez não percebemos animais que tenham essa envergadura, essas ágeis patas e ademais rodas para se mover à vontade.

A cereja no bolo é colocada nas últimas tomadas em que ele sai para áreas externas e se locomove com soltura por rampas, terrenos acidentados e inclusive gelo, sem perder o equilíbrio em nenhum momento. Esperemos que tenham gravado nele a fogo a primeira lei da robótica.


“Sobretudo de Aeroporto” permite levar até 15 kg de bagagem

LuisaoCS

“Sobretudo de Aeroporto” permite levar até 15 kg de bagagem

Projetado para ajudar passageiros frequentes a contornar as filas de bagagem do aeroporto, reduzir as taxas e praticamente eliminar o risco de perda de bagagem, este sobretudo modular possui 14 bolsos e dois painéis de bolsos destacáveis que cabem cerca de 15 kg de bagagem.

- "Como as companhias aéreas estão começando a cobrar por bagagens de mão, bem como estão restringindo severamente as franquias de bagagem para as viagens de baixo custo, meu marido e eu criamos uma jaqueta modular que permite guardar o laptop, o tablet, dois pares de sapatos, um par de jeans, cinco camisetas, uma blusa e uma câmera SLR", explica a designer Claire Murphy.


Luva inovadora traduz o idioma de sinais em palavras faladas!

LuisaoCS

No mundo, existem cerca de 70 milhões de pessoas que usam a linguagem de sinais para se comunicar! Agora imagine que existe uma invenção que permite que essas pessoas se comuniquem facilmente não só com aqueles que por sua vez conhecem a linguagem de sinais, mas também com aqueles que não a conhecem.

Foi isso exatamente o que dois caras da Universidade de Washington tornaram possível graças à criação de uma luva que é capaz de transmutar os movimentos da mão e dos dedos em palavras e texto.

Por enquanto, é uma ferramenta que traduz gestos de mão apenas para o inglês, mas, obviamente, ele pode ser aplicado a qualquer outra linguagem. Fantástico!


Imprescindível: máquina separa M&Ms e Skittles por cores

LuisaoCS

É lamentável como as grandes corporações esbanjam talento e dinheiro criando serviços e produtos que não sabíamos que precisávamos. Felizmente ainda restam pequenos gênios que, na intimidade de seu lar, com mais talento e muito menos dinheiro, conseguem resolver os verdadeiros problemas que torturam à humanidade nestes tempos controversos.

É o caso das balinhas M&M e os problemas que suas variadas cores provocam em pessoas com transtornos obsessivos compulsivos (mais de 98,6% da população, segundo estudos recentes). Com uma impressora 3D e uns tantos artefatos eletrônicos programados com Arduino, um jovem de 19 anos chamado William Pennings criou uma máquina mágica que consegue separar as balinhas por cores.

A contemplação do robozinho em funcionamento proporciona uma satisfação quase orgástica.


MIT desenvolve robôs transparentes de hidrogel que podem pegar peixes

LuisaoCS

Os engenheiros do MIT desenvolveram robôs de hidrogel transparentes que são rápidos e fortes o suficiente para capturar peixes vivos. É legal, mas também um pouco assustador. O hidrogel é moldado através de corte a laser e impressão 3D e pode ser controlado pela injeção de água através de canais ocos em sua estrutura. Isso permite um movimento mais rápido e mais forte. A pinça robótica no vídeo demonstra o processo. Quando o peixe nada para perto de sua garra, ela pende a vítima indefesa, presumivelmente arrastando-o para seu covil de robô subaquático.

Além de seu peso leve e flexibilidade, o outro benefício para este projeto é que os robôs podem ser quase invisíveis. Você sabe o que eles dizem, dê um peixe ao robô e ele vai comer por um dia, ensinar um robô a pescar e ele vai comer a vida toda.


Animais fantásticos, voadores e robóticos

LuisaoCS

Festo é uma companhia dedicada à automação industrial que também se dedica que se dedica a desenhar e fabricar robôs industriais. Mas como parte do processo de aprendizagem de seu departamento de pesquisa e desenvolvimento de vez em quando eles surpreendem com máquinas que parecem saídas de um mundo em que reinam formas de vida mecânica, que causam certo assombro nos meios não especializados.

É o caso deste trio de animais imaginários mostrados no vídeo que encabeça este post, que parecem criados para ambientar qualquer filme ou série de ficção científica: uma borboleta capaz de voar de forma autônoma graças às câmeras que incorpora e que é também capaz de se coordenar com outras nove borboletas como ela para que não se choquem. Uma espécie de medusa cheia de hélio que usa seus tentáculos para subir quando o precisa. O vídeo termina com uma espécie de pinguim que é capaz de voar de forma autônoma sem chocar com nada graças a um sistema de ultrassons.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 24 | 25 | 26 || Next»

Links: