«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 22 | 23 | 24 | 25 | 26 || Next»

Régua de tomadas inteligente

LuisaoCS

Tomada com monitor de consumo

O tema da economia energética já é uma questão bem antiga, de modo que os fabricantes seguem torrando os neurônios para oferecer novas ideias com as quais possamos reduzir o consumo de eletricidade. Esta solução proposta pela Fujitsu não age diretamente sobre o consumo, mas indica diretamente que ou quem está consumindo mais da conta.

A régua tem uma porta USB que monitora o consumo por conexão, de maneira que é possível saber a todo momento que conector é o bicho papão de energia elétrica e principal causador do aumento na conta de luz. Possivelmente seja a ferramenta perfeita para chefes que busquem pela economia empresarial.

Os mais apressadinhos e afoitos poderão dizer que é dispensável, basta olhar a etiqueta de consumo do aparelho. Pois a Fujtsu fez uma pesquisa de opinião e descobriu que mais de 70% das pessoas desconhece o que significa potência elétrica chegando mesmo a confundir a potência -consumo- com a potência -força-. "Cara esta tua televisão é um lixo, a minha tem 50 Watts a mais que a sua".

Via | nikkeibp.co.jp.


Twettle: twittando até na hora do café

LuisaoCS

Cafeteira Twettle

Se o seu vício ao Twitter chegou ao nível de "tô c@gando", seguramente este conceito criado por Ben Perman and Murat Multu vá lhe interessar de forma imediata. Trata-se da Twettle, uma cafeteira bastante peculiar, já que oferece conexão sem fio para ligar à rede WiFi de casa e twittar à hora do café. Graças a sua tela integrada, poderemos selecionar a rede e introduzir, se necessário, uma chave WEP, para poder assim acessar remotamente o painel de controle da cafeteira e começar com a configuração.

Seja via twitter ou Facebook, nossos amigos sempre saberão em que momento vamos preparar nossa caneca de café e inclusive a quantidade de vezes que temos consumido. Por enquanto é só um protótipo e seus idealizadores aguardam um louco investidor para aplicar um milhão e 400 mil reais para começar a produção do produto final, um brinquedinho que custaria 480 reais nas prateleiras. Um preço que nem todo mundo estaria disposto a pagar por uma máquina que não evitaria que você continuasse queimando a língua no primeiro gole.

Via | DVICE.


Ducha para casais

LuisaoCS

Ducha para casais

Não tem coisa melhor que tomar um banho com quem você gosta, ainda que devemos concordar que é um processo bastante incômodo, sobretudo se for na época de inverno, ter que ficar se revezando debaixo da água quentinha. Mas fiquem tranquilos, seus problemas acabaram, com o Lovers Dual Shower Head você nunca mais vai ficar com a pele enrugada e arrepiada esperando sua vez de entrar debaixo do chuveiro.

Via | Random Good Stuff.


Victorinox Secure Pro USB, o canivete anti hackers

LuisaoCS

Canivete Victorinox Secure Pro USB

Não se trata do primeiro canivete USB que vemos da Victorinox, mas o Secure Pró chama a atenção já que segundo seu fabricante, se trata do primeiro que afirmam ser impossível de hackear. Só para que tenham ideia do quanto estão levando isto a sério na sede da Victorinox, estão dispostos a pagar um prêmio de 100.000 libras esterlinas (270 mil reais) ao primeiro que romper seus sistemas de segurança.

Sistemas, que na verdade, não são poucos: para começar conta com um leitor de impressões que dispõe da tecnologia AES256 e que tem sido combinada com um sistema de autodestruição (sim, como nos filmes) que acaba com todo o conteúdo no caso de alguém tentar hackeá-lo. Por certo, tratando-se de um Victorinox, você terá o seu canivete suíço convencional com tudo o que possa esperar dele em suas versões de 8 e 32GB a um preço que varia de 55,00 a 200,00 euros (140 a 490 reais).


Despertador-bomba: uma dose de adrenalina na sua manhã

LuisaoCS

Despertador bomba

Não é necessário que você se aliste no exército para ir até uma longínqua guerra para ser o protagonista de momentos cheios de ação e desafio. Todas as manhãs você pode ter esta dose extra de adrenalina de ter a sua vida nas próprias mãos enquanto escolhe que cabo é o correto para que o despertador-bomba deixe de soar.

No horário do alarme soa um apito estridente avisando que você deve desligar os três cabos seguindo a sequência de luzes em menos de 10 segundos que são contados regressivamente por uma vozinha chata que anuncia uma iminente explosão que acontecerá se você se equivocar. Na verdade se você errar a sequência, soa um alarme o suficiente alto para acordar todo mundo da casa. Se isto não lhe tirar da cama, só falta fechar o caixão e enterrar.


Taurus, uma moto conceito que duraria pouco no Brasil

LuisaoCS

Moto conceito Taurus

Esta é Taurus e não é necessário ser um lince para entender o motivo de seu nome, com esse guidão. Um conceito muito conceitual diria eu, posso até imaginar a quantidade de acidentes causados pelos motoboys e "cachorros loucos" utilizando este tipo de transporte.


Tamancos para conversar à mesma altura

LuisaoCS

Ser alto ou baixo em uma festa ou reunião tem lá as suas desvantagens, já que na hora de conversar com as pessoas tem que estar olhando para cima ou para baixo. É algo extremamente irritante que esta ideia da galeria alemã Gebauer pode resolver.

Sapatos para conversar à mesma altura

Trata-se de uma estante com tamancos de saltos com diferentes tamanhos, que deve ser colocada na sala de reuniões. Cada um usa o tamanco que lhe faça medir 2 metros, assim, todos os participantes ficarão da mesma altura. Absurda e insultante, mas funcional. O problema é você perder a linha e resolver dar uma tamancada no chefe.

A galeria não informa o que deve ser feito com as pessoas que medem mais de 2 metros, acho que devem cortas os centímetros excedentes.

Via | ingesidee.de.


Um tablet conceito rodando Windows Phone 7 Series

LuisaoCS

Desenhar um produto conceito não é muito difícil para um profissional da área de design. Neste caso, o designer industrial Umang Dokey fez uma excelente animação de como seria um Windows Phone 7 Tablet, supostamente um concorrente direto do iPad. Dokey também inova ao mostrar que não é somente a Apple que tem seus fan-boys, conhecidos por criar conceitos de produtos futuros da empresa.

Via | Inteligência Digital.


Uma fraude chamada power balance

LuisaoCS

Power BalanceÉ até injusto colocar esta matéria na categoria chindogus, já que estes, apesar de também não servirem para nada, são criados com o intuito de fazer humor. O título também poderia ser diferente, algo assim como "Usando a pseudociência com fins lucrativos". Todos já devem ter visto alguma das pulseiras mostrada na imagem à direita, ou inclusive é bem possível, para seu azar, que use uma neste momento.

O que é uma "power balance"? Pois é... é uma pulseira feita com silicone e PET, o mesmo plástico ordinário usado pelas garrafas de refrigerante, ainda que costumam publicitá-la como feitas com MYLAR, que é o nome dado ao filme de PET, para que pareça que você está usando algo no mínimo parecido à kriptonita, mas não, é plástico e do pior.

No miolo da tal pulseira, um holograma que, segundo seus criadores, vibra em uma frequência benéfica procedente de materiais naturais conhecidos que passa a seu corpo "restaurando" o equilíbrio eletromagnético e alinhando a frequência de suas células com as da pulseira. Há ligeiras variações de como o holograma funciona, mas em essência é essa "baboseira".

E daí, o que acontece quando se usa a pulseira? Pois basicamente você se converte em um super-homem. Segundo seus vendedores este pedaço de plástico inerte tem a capacidade de melhorar a força e a energia, o equilíbrio, a resistência, o tempo de recuperação, a flexibilidade, a concentração e ao mesmo tempo reduzir o estresse, as lesões, a fadiga e um monte de outras coisas mais.

Imagine só que você está dentro de um RPG, pois bem... a pulseira é o dispositivo que suscitaria um +10 em todos esses campos. Mas também suporia um +100 em estupidez porque obviamente acreditar que o uso de um holograma no pulso pode gerar super poderes é o mesmo que supor que o holograma de meu VISA, que tem um pombo, permitiria sair voando pela janela como o Superman.

Não critico seu efeito placebo, mas se alguém ingenuamente tem a necessidade de crer em algo, pois que corte um anel de uma garrafa de refrigerante e coloque no pulso, o efeito vai ser o mesmo.

A fraude custa 150 reais em média, de modo que neste momento os criadores do invento devem estar em um iate de cinco andares rumo a Bahamas enquanto perco meu tempo tentando acreditar que uma pessoa, que saiba somar 1+1, possa acreditar nos poderes de um falso produto só porque alguém teve a feliz e ladina ideia de associá-lo com palavras como eletromagnetismo, frequência, ressonância e célula. Ingenuidade tem limite!


O controle remoto definitivo

LuisaoCS

O controle remoto definitivo

Tenho lá minhas dúvidas de que seja um produto real, mas tem até um manual de instruções que explica como configurá-lo para ser usado, de modo que vou pensar que o é. Muitos podem considerá-lo um dos gadgets mais úteis da história, mas não por seus múltiplos botões programáveis e sua capacidade de se converter em um comando universal... senão por seu abridor de garrafas incorporado! Vai terminar quebrado na gaveta da pia da cozinha.

Via | The Daily What.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 22 | 23 | 24 | 25 | 26 || Next»

Links: