Telescópio Herschel detectou moléculas de oxigênio no espaço

LuisaoCS

Telescópio Herschel detectou moléculas de oxigênio no espaço

Pouco a pouco vamos descobrindo no espaço exterior os diferentes elementos que poderiam tornar factível o desenvolvimento da vida humana em outros lugares diferentes da Terra. Já mostraram planetas com características similares e recentemente o maior depósito de água do universo, agora é a vez de moléculas de oxigênio.

A descoberta foi feita desde o Observatório Espacial Herschel, onde -através de seus detectores infravermelhos- a equipe de astrônomos responsável pelo trabalho confirmou a primeira localização de O2 na nebulosa de Orion.


Bill Danchi, cientista do programa Herschel da NASA, comentou em um comunicado que o oxigênio é o terceiro elemento mais abundante do universo, motivo pelo qual sua forma molecular é abundante no espaço. Os átomos individuais são bem comuns, em especial ao redor das estrelas, mas por mais tenham buscado O2 com globos e telescópios espaciais e terrestres, não haviam logrado resultado até agora.

Segundo os cientistas, o oxigênio molecular estava oculto em gelo de água que cobre o meio interestelar. E foi encontrado na região de formação de estrelas de Orion, onde é provável que a luz das estrelas tenha aquecido o meio e liberado água que posteriormente se converteu em moléculas de oxigênio.

Pese a isso, a descoberta foi escassa para a quantidade que deveria existir e não sabem indicar onde se encontra o demais. - "O universo ainda esconde muitos segredos", sustentou o cientista Paul Goldsmith.

Via | Geekosystem.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Quantos anos luz daqui?

Deixe um comentário sobre o artigo