Um cão detecta o câncer do seio de sua dona

LuisaoCS

Um cão detecta o câncer do seio de sua dona

Os animais têm bem mais do que nos ensinar do que permitimos. Podem ver o que ignoramos, como as explosões de luz ultravioleta nos cabos elétricos ou a linha do campo eletromagnético da Terra. Não é surpreendente, então, que também possam detectar o câncer.

A veterinária Emilie Clark relata a impressionante história de sua cadela Mia que, entre outras coisas, detectou um câncer em seu seio esquerdo. Mia é um cão assistente; isto é, um cão treinado para alertar a sua dona de certas coisas. Como Emilie sofre de taquicardia ventricular e surdez parcial, Mia a alerta quando seu ritmo cardíaco aumenta (e leva seus medicamentos), quando soa o telefone ou quando alguém chama à porta.


- "Uma noite de novembro de 2011, estava em meu computador quando Mia saltou no meu colo e cheirou a parte de cima de meu seio esquerdo. Fechou os olhos e lambeu furiosamente. Isso me assustou porque é o que faz quando tenho uma ferida ou um corte", conta Emilie.

A determinação de Mia de que tinha algo errado em seu seio convenceu a dona a ir ao hospital no dia seguinte para fazer um exame no local. Pese que os médicos comentaram a Emilie que era quase impossível que tivesse câncer no seio porque só tinha 24 anos, ela solicitou uma mamografia.

Os resultados foram positivos e os médicos diagnosticaram câncer de grau 2. Dois dias depois ela entrou na sala de cirurgia e os médicos retiraram-lhe o tumor, seguido isso de um intenso tratamento de radioterapia.

- "Nenhum dos oncologistas que conheci durante minha experiência foi cético a respeito do papel de Mia em diagnosticar meu câncer; tinha-a escutado antes", aponta Emilie. De fato, há uma organização caritativa chamada Medical Detection Dogs que treina cães para cheirar o câncer e está respaldada pela Cancer Research UK.

Os cães assistentes podem proporcionar uma espécie de escaneamento para cânceres que atualmente são difíceis de detectar por diferentes razões. Talvez mais países do mundo devam implementar este sistema canino em seus serviços médicos públicos.

Via | The Guardian.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Em um episódio de Doctor House um gato tinha a habilidade de 'prever' quem seria o próximo a ser chamado pelo anjo da morte. Sempre que ele entrava no departamento de oncologia todos ficavam apreensivos e vendo onde ele iria. Não errava uma. Até que pesquisando descobriram que pacientes terminais apresentavam um quadro de elevamento na temperatura (febre leve) de 2 a 3º e que ficava extremamente confortável para o bichano se acomodar.

Ao fim da série descobri que esse caso era verídico. Gatos e cães tem a habilidade de sentir determinadas alterações fisiológicas em pessoas. Cheiro principalmente. Dizem que pessoas que tem algum tipo de cancro liberam um dose maior de ácido sulfídrico através das fezes e poros o que pra eles é insuportável.

Deixe um comentário sobre o artigo