Skarp, o barbeador com lâmina laser

LuisaoCS

Skarp, o barbeador com lâmina laser

Tivemos que esperar milhares de anos, até entrar no século XXI, para poder contemplar um avanço realmente significativo no mundo do barbeador. Aproximadamente metade da humanidade estará feliz se o projeto Skarp for levado a termo. E parece que vai por bom caminho, já que a meta no Kickstarter era 160.000$ para o desenvolvê-lo e, neste momento, quando ainda faltam 18 dias para fechar a fase de financiamento, já arrecadaram mais de 2 milhões.

Até agora, a parte masculina da raça humana (salvo exceções), tinha que se conformar com novas versões (com mais marketing que melhoras reais) de um conceito muito clássico: metal cortando pelos. Facas, navalhas, lâminas descartáveis, duas lâminas, três lâminas, cinco lâminas... O resultado, praticamente invariável: irritações, dor, pedra hume e sangue em mais de uma ocasião.


Skarp Laser Razor, o barbeado apressado a lâmina laser

O que promete o Skarp parece milagroso. Um aparatinho que barbeia no momento sem dor, sem cortes e com pressa inigualável graças à tecnologia laser.

Cada lâmina teria uma vida útil de 50.000 horas e funciona com uma pilha AAA que dura um mês. Quanto você pagaria por algo assim? Por enquanto, o preço para os pioneiros está em 189$. Em meu caso, não teve discussão: "Shut down and take my money".

Se a essas evidentes vantagens acrescentamos a parte ecológica do tema -além da economia de água, só nos EUA são jogadas no lixo dois bilhões de lâminas a cada ano- podemos concluir que empresas como a Gillette ou Wilkinson têm um pequeno problema.

Parece ficção científica e custa achar que não seja, mas por enquanto estão prevendo que março de 2016 será a data de lançamento.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Isso e lindo, fantástico, emocionante até...
Eu odeio com todas as forças fazer a barba. Mas tanto meu emprego quanto atividades sociais me obrigam a fazer. Então será muito legal se um dia existir - e que esse preço melhore.

Deixe um comentário sobre o artigo