Tatuagens para diabéticos que mudam de cor com a falta de insulina

LuisaoCS

Dermal Abyss é um projeto de pesquisadores do MIT e Harvard Medical School que tem como objetivo desenvolver uma tinta para tatuagens dotada de biosensores que avaliem a composição do sangue para, por exemplo, poder detectar mudanças nos níveis de insulina. Este é um fator determinante para as pessoas que padecem de diabetes.

Os diabéticos têm que se espetar regularmente para ir controlando os níveis de glicose no sangue. Com uma solução assim, só teriam que revisar o estado da tatuagem. O tom da tinta lhes proporcionará a informação necessária para saber se tudo está bem ou se, pelo contrário, é necessário tomar uma medicação.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo