Arquivo do mês de maio 2012

«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 8 | 9 | 10 || Next»

As mulheres dominarão a economia no futuro?

LuisaoCS

As mulheres dominarão a economia no futuro?

Durante boa parte da história da humanidade as mulheres foram relegadas a um segundo plano, marginalizadas nas atividades importantes e nos postos de decisão por uma sociedade cuja cultura sempre teve o machismo como característica principal.

Em anos recentes, no entanto, e em boa medida graças à abertura que supõem as políticas de gênero aplicadas em diversos países, as mulheres vem ganhando parte desse terreno perdido e pouco a pouco se inseriram em quase todos os âmbitos da vida pública: em universidades e em empresas, no mundo político e no artístico, na medicina, na engenharia, ciência, etc.


A caçarola viva que se mexe sem a sua ajuda

LuisaoCS

Hideki Watanabe era, até pouco tempo, um dentista japonês como qualquer outro. Até que um dia acordou e decidiu se chamar Spin Doctor graças a um artefato que vaticina que se tornará imprescindível daqui a algum tempo: o Kuru-Kuru Nabe ou caçarola viva

Watanabe aplicou alguns rituais de magia negra, também conhecidos como termodinâmica, no mundo culinário; o resultado é certamente assustador: a caçarola viva remove-se sozinha. E o melhor: não há que recitar palavras guturais nem entoar mantras ou usar túnica branca, nem sequer um galho fedorento de arruda é necessário -ainda que a túnica seja recomendável para criar o ambiente, sacumé?-. Tudo o que há de fazer é colocar a panela no fogo e deixar que as forçam ocultas encontrem seu caminho.

Sua propagação pelo mundo acabará com um grande estorvo muito comum na receita mais amada de nerds e geeks de plantão: o miojo jamais grudará no fundo da panela novamente. Yes!. Se isto não mudar o mundo, nada mais o fará.

Via | InventorSpot.


MaKey MaKey

LuisaoCS

Em poucas palavras, MaKey MaKey é um circuito no qual é possível conectar aquilo que você tem a mão e transformá-lo em um touchpad. Como bem ilustra o vídeo, dá até para tocar um piano virtual usando bananas como teclas.

Jay Silver e Eric Rosenbaum são os orgulhosos pais da criatura. Para realizar o projeto precisaram de 25 mil dólares iniciais, que solicitaram no Kickstarter; pois atualmente os investimentos já chegaram aos 270 mil, de forma que devemos supor que logo comecem a distribuí-lo.

Via | Wired.


Os 20 celulares supostamente mais perigosos

LuisaoCS

Os 20 celulares supostamente mais perigosos

Depois de que o Centro Internacional de Pesquisa do Câncer, agência especializada da Organização Mundial da Saúde, anunciou que os campos eletromagnéticos de RF existente nos celulares talvez, e somente talvez, sejam cancerígenos para o ser humano, a FCC realizou um estudo que indica a Taxa de Absorção Específica (SAR) -que mede a quantidade de RF que o corpo humano absorve quando o aparelho está próximo do ouvido- para telefones celulares.

Baseado nesta taxa, limitada a 1,6 watts por kg, realizaram um ranking com pontuação diretamente proporcional a sua taxa de absorção, que poderia indicar os 20 modelos considerados os mais perigosos, por estarem mais próximos do limite aceitável:

  • 20. Motorola i576 (1,45)
  • 19. Kyocera X-tc (1,45)
  • 18. Kyocera Wild Card M1000 (1,46)
  • 17. Motorola Atrix 4G (1,47)
  • 16. LG Chocolate Touch (1,47)
  • 15. HTC Desire (1,48)
  • 14. Motorola DROID 2 (1,49)
  • 13. Sanyo Vero (1,49)
  • 12. Motorola DROID (1,49)
  • 11. LG Rumor 2 (1,51)
  • 10. Motorola Grasp (1,52)
  • 9. Motorola Defy (1,52)
  • 8. ZTE Salute (1,52)
  • 7. Nokia Astound (1,53)
  • 6. Motorola i335 (1,53)
  • 5. Kyocera Jax S1300 (1,55)
  • 4. Sony Ericsson Xperia X10 Mini Pró (1,55)
  • 3. Sony Ericsson Satio (1,56)
  • 2. Motorola DROID 2 Global (1,58)
  • 1. Motorola Bravo (1,59)

Via | CNet.


Gênio de 16 anos resolve um problema proposto por Newton

LuisaoCS

Gênio de 16 anos resolve um problema proposto por Newton

Shouryya Ray, um jovem de 16 anos originário da Índia e estabelecido em Dresde, Alemanha, enquanto fazia um trabalho escolar, conseguiu resolver corretamente um problema proposto por Isaac Newton há 300 anos: calcular a trajetória exata de um projétil afetado pela gravidade e pela resistência do ar.

Até a data este problema de balística não havia ainda sido resolvido de maneira completa já que se estava dividido em dois problemas separados aplicando certas simplificações e suposições.  Com a formulação proposta por Shouryya Ray os cientistas poderão abordar o problema completo com um novo enfoque.

O estudante entrou no mundo dos cálculo quando tinha apenas 6 anos graças a seu pai, engenheiro de formação que trabalha na Alemanha como professor em uma escola técnica desde que se mudaram para este país há 4 anos.

Como é lógico, a imprensa alemã está dando uma grande repercussão para o fato: o adolescente recebeu um prêmio e não param de elogiar a sua capacidade que, segundo seu pai, supera suas próprias expectativas.

Via | Herald Sun.


Fenômeno Eureka: por que a resposta a um problema chega quando já não buscamos?

LuisaoCS

Fenômeno Eureka: por que a resposta a um problema chega quando já não buscamos?

Na história da ciência e ainda em nossas histórias pessoais, não são poucos os momentos em que alguém encontra a solução de um problema quando já deixou de se empenhar na busca e quando cansado de dar voltas no assunto infrutiferamente, decide tomar um banho ou sair para caminhar ou realizar qualquer outra atividade que o mantenha longe do objeto de seus cuidados. Assim Arquimedes, assim Newton, assim Einstein. E curiosamente, foi nesse momento de distração quando cada um destes descobriu a peça que faltava no seu quebra-cabeças.


A essência da ciência em 1 minuto, gentileza de Richard Feynman

LuisaoCS

"Em geral, buscamos uma nova lei seguindo o seguinte processo: primeiro fazemos uma suposição; depois calculamos as conseqüências desta suposição para averiguar que envolvimentos teria se esta suposição fosse correta; então comparamos os resultados deste cálculo com a natureza, com o experimento ou com a experiência, comparando-os diretamente com a observação, para ver se realmente funciona. Se estiver em desacordo com os experimentos, é errônea. Neste simples enunciado está a essência da ciência. Não importa o quão bonita seja sua suposição, não importa o quão inteligente seja quem fez a suposição ou seu nome. Se não está de acordo com os experimentos, é errônea."

«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 8 | 9 | 10 || Next»