Arquivo do mês de outubro 2013

«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 9 | 10 | 11 || Next»

Por que nossa voz soa diferente da gravação?

LuisaoCS

Por que nossa voz soa diferente da gravação?

Ao ouvir nossa voz gravada não só nos parece que soa diferente, é que de fato soa diferente como ouvimos a nós mesmos. Tanto que em muitos casos nem gostamos como soa, nem a reconhecemos como nossa voz. Acontece que ao falar as vibrações das cordas vocais ressoam na garganta e na boca e propagam-se parcialmente através do pescoço e da cabeça. O ouvido interno responde também a estas vibrações, motivo pelo qual a voz é ouvida também desde dentro junto com o som que sai da boca, viaja através do ar e atinge o ouvido na parte externa.

Esta combinação de vibrações que chegam ao ouvido por dentro e por fora dão à voz da gante uma forma diferente que quando a voz chega só pela parte externa [caso de uma gravação]. Em concreto o som que chega pela parte interna aumentam as frequências mais planas, as de menor freqüência, dando à voz própria um som mais pleno e grave que não apreciamos quando escutamos uma gravação. Uma forma, mais ou menos, de igualar a gravação com a voz natural que ouvimos é editar o arquivo de audio com um pouco mais de brilho e de grave.

Isso explica também o porquê alguns locutores têm a mania de colocar a mão sobre um dos ouvidos quando falam: como não reconhece como genuína so som que sai nos altofalantes de retorno, usam do expediente de cobrir um ouvido para ouvir melhor o som interno da própria voz.

Via | Mental Floss.


Mesa magnética

LuisaoCS

A mesa magnética de Rock Paper Robot é formada por 27 blocos de madeira com ímãs em seu interior. Usando as propriedades magnéticas e um cabo que os une, o resultado é uma mesa cujos blocos flutuam no ar sem se tocar. Não é algo que não possa ser feito por qualquer mágico de nível 4, mas há que ter, nunca melhor dito, uma grande dose de magnetismo. Em qualquer caso, sempre é possível ver o vídeo da mesa e sentir uma inveja saudável. Ou maligna. Realmente não influi em absoluto nos ímãs.


O polímero Exterminador: I'll Be Back

LuisaoCS

Depois de cortar um tubo de material com aspecto gelatinoso ao meio com uma navalha, os pesquisadores juntam os dois pedaços novamente. Depois de repousar durante duas horas à temperatura ambiente, as peças já não podem ser separadas. Este é o primeiro elastômero com poder de auto-cura, que não requer nenhuma intervenção para induzir a sua reparação.


Cientistas geram novo estado da matéria semelhante a um sabre de luz

LuisaoCS

Cientistas geram novo estado da matéria semelhante a um sabre de luz

Cientistas da Universidade de Harvard e do Instituto Tecnológico de Massachusetts conseguiram unir fótons para gerar um novo estado da matéria que, para fins de comparação, se assemelham a um “sabre de luz”, a emblemática arma do universo Star Wars de George Lucas.

O grupo de pesquisa dirigida pelos físicos Mikhail Lukin (Harvard) e Vladan Vuletic (MIT) realizou um estudo, publicado na revista Nature, sobre as propriedades dos fótons, a partícula elementar que constitui a luz e outras formas da radiação eletromagnética. Um de seus interesses principais é o fato de que, aparentemente, os fótons não tem massa, motivo pelo qual não são capazes de interagir entre si.


Este robô resolve qualquer Cubo de Rubik em apenas 1 segundo

LuisaoCS

Este talento mecânico de aparência tão estranha é capaz de resolver um Cubo de Rubik, independentemente da disposição de cada um dos quadrados de cores, em apenas 1 segundo. Para conseguir tal proeza só precisa escanear o cubo durante alguns segundos até determinar que posição exata ocupam cada uma das pecinhas coloridas. Uma vez completado esse passo, faz coisas como esta mostarda acima.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 9 | 10 | 11 || Next»