«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 75 | 76 | 77 || Next»

Por que seguimos sofrendo quando uma relação termina?

LuisaoCS

Por que seguimos sofrendo quando uma relação termina?

De todos os animais que pisaram ou pisam o planeta Terra, o ser humano é o único que tende a autoflagelar-se. Inclusive as hienas, animais predadores com péssima fama, sabem quando se retirar ou quando frear a fim de poder evitar a dor ou uma mordida mais forte.

Alguma vez você já se perguntou de por que sentimos saudades das pessoas que já não estão? Que é que dói tanto se já não estão mais presentes? O que é o que nos custa superar uma relação que chegou a seu fim?

O que sentimos falta das outras pessoas não é sua chegada, não é sua presença e nem também o seu amor. O que sim verdadeiramente temos saudades é o que nos fazia ser essa pessoa.

Claro está que nem sempre somos as mesmas pessoas. Somos uma pessoa para nossa família, temos outro comportamento com nossos amigos e outro para nosso casal. E é precisamente ali onde se encontra o grande ponto em questão: na maioria das vezes, quase sempre, o ser humano não sente saudades das pessoas, senão que dele mesmo.


Salvando a raposinha-das-ilhas

LuisaoCS

Como uma equipe de conservacionistas, veterinários e voluntários ajudou uma espécie rara de raposa a voltar da beira da extinção? E por que essa raposinha quase foi extinta em primeiro lugar?

Esta é a história da raposa-das-ilhas (Urocyon littoralis), uma pequena criatura endêmica apenas das Ilhas do Canal da Califórnia. Quando um inseticida chamado DDT danificou as populações de águias americanas das ilhas por meio dos peixes que elas comiam, as águias douradas se mudaram. Porcos assilvestrados deixados na ilha por fazendeiros na década de 1850, competiam por terras com as raposas-das-ilhas e, em 2004, as populações foram oficialmente declaradas ameaçadas de extinção.

Este episódio de NPR Skunkbear conta a história de uma equipe de solução de problemas que trabalhou durante anos para salvar a raposinha ... e conseguiram.


Principais erros que você deve evitar ao jogar slots online

LuisaoCS

Principais erros que você deve evitar ao jogar slots online

Os slots ou caça níqueis são jogos clássicos de cassino que estiveram presentes desde a fundação do cassino tradicional como conhecemos atualmente. A sua popularidade apenas aumentou através dos anos e uma legião de fãs do jogo se formou no mundo inteiro, não é à toa que é um jogo praticamente obrigatório em todos os cassinos online disponíveis no mercado.

Desde os caça niqueis clássicos até os mais modernos que podem ser encontrados em cassinos online, possuem as suas peculiaridades e técnicas para que o jogador possa ter bons resultados em médio ou longo prazo. O grande problema é que boa parte dos jogadores de slot cometem erros comuns que os impedem de ter o resultado desejado.

Para desvendar quais são estes erros que você pode estar cometendo e como evitar cada um deles, separamos neste artigo o que pode ser a solução para os seus problemas, confira no artigo até o fim.


Não confie em sua bússola moral em questões espinhosas

LuisaoCS

Não confie em sua bússola moral em questões espinhosas

Quando vemos que uma criança está a ponto de ser atropelada por um carro, nosso primeiro impulso é sair correndo para evitar. Quando somos testemunhas de como um bandido rouba a bolsa de uma idosa, nosso primeiro pensamento é que a justiça recaia sobre ele. Estas e outras reações instintivas são fruto de nossa bússola moral

Graças a ela podemos agir rapidamente em situações que assim requerem. O efeito colateral negativo da bússola moral é que também funciona muito rapidamente quando se trata de abordar temas complexos e espinhosos, cheios de nuances. Em consequência, a bússola moral serve para nos impelir em determinadas situações, mas também nos faz achar que sabemos bem mais do que realmente sabemos.


Acontece meio que um bug no cérebro quando o resultado é diferente que você esperava

LuisaoCS

A série "É diferente do que você esperava", mais tarde renomeado como "Resultados inesperados") é uma compilação de clipes curtos que distorcem a percepção, feita pelo diretor Daihei Shibata, de Tóquio.


A faca indestrutível

LuisaoCS

O ferreiro Ethan Kempf mostra a dureza insana de sua faca personalizada de Espadachim. Ele passou anos aperfeiçoando a geometria e o tratamento térmico de sua lâmina de aço 80CRV2 para produzir a faca mais durável que já vimos.


Fazendo manteiga francesa com técnicas do século 19

LuisaoCS

A manteiga é um daqueles alimentos básicos que geralmente consideramos algo natural, mas não é, senão que pura gordura de leite, ainda assim deliciosa. Mas no Le Beurre Bordier, cada pedaço do cremoso laticínio é uma obra de arte feita à mão. Food Insider nos apresenta esta loja francesa dedicada à preservação de técnicas do século 19, incluindo o uso de uma roda de madeira giratória para amassar a manteiga.


A fibra de carbono é 10x mais forte que o aço, a menos que você faça isso

LuisaoCS

A fibra de carbono é incrivelmente forte, cerca de 10 vezes mais forte do que o aço, no entanto, colocada sob qualquer carga diferente de tensão, a resistência simplesmente desaparece. É por isso que é muito importante garantir que você coloque suas peças de fibra de carbono na orientação correta para garantir que permaneça tensionada.

Esta é uma ideia muito comum usada no gerenciamento de cordas para escalada. Os nós podem -dependendo do nó e do tipo de fibra- alterar significativamente a resistência de uma linha. Vale também para as linhas de pesca.


O dia que 5 voluntários se colocaram sob a explosão de uma bomba nuclear para ver o que acontecia

LuisaoCS

Em 19 de julho de 1957, 5 pessoas passaram um dos dias mais surrealistas e estranhos que se recordam. Essa data, cinco oficiais da Força Aérea de Estados Unidos ofereceram-se como voluntários para situar-se diretamente debaixo da explosão de uma bomba nuclear para ver o que ocorreria.

O vídeo foi encomendado pela Força Aérea dos Estados Unidos para demonstrar a segurança relativa de um intercâmbio nuclear de baixo grau na atmosfera. Dois coronéis, dois comandantes e um quinto oficial ficaram bem embaixo da explosão. Só o câmera, George Yoshitake, não foi voluntário.


Se você se lembra de algo da primeira infância, provavelmente esteja inventando

LuisaoCS

Se você se lembra de algo da primeira infância, provavelmente esteja inventando

As lembranças da infância precoce são um mistério e, em muitos casos, ficção. Assim revelou um estudo realizado com a participação de 6.641 pessoas, que concluiu que cerca de 40% delas se lembrava de situações que, em realidade, não aconteceram.

Ao analisar os resultados da pesquisa, especialistas britânicos revelaram que 38,6% dos consultados dizia ter lembranças de quando eram menores de 2 anos; deles, 893 asseguravam que se lembravam de situações de quando não tinham chegado ao ano de vida.

Em confrontação com a realidade, o caso é que em muitos outros estudos a média de idade na codificação das memórias mais antigas é geralmente encontrada em algum lugar na primeira metade do terceiro ano de vida, nunca antes.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 75 | 76 | 77 || Next»

Links: