A aposta da Microsoft no código aberto

LuisaoCS

Isso mesmo, você não leu nada errado. Outrora detratora da iniciativa, o gigante informático debaterá no próximo mês sobre a adoção do open source como medida para paliar os efeitos da recessão. Junto com um grupo de empresários e piratas informáticos, a Microsoft discutirá em São Francisco no próximo 17 e 18 de março a respeito da necessidade de sua implementação.


Microsoft Linux

A crise ajudou o desenvolvimento do código aberto, pois tem demonstrado ser uma alternativa viável para as empresas que estão asfixiadas por questões pressupostas. A medida ajuda, em boa parte, a economizar o dinheiro que se investia em programas protegidos por direitos autorais.

As empresas encontraram no código aberto não só uma forma de sanear suas finanças, senão que também estimula a produtividade e impulsiona a inovação. A Microsoft não pode negar à tendência. O foro de São Francisco representa um grande passo, já que a corporação passará de mero analista para patrocinador desta edição.

A Microsoft não só perdeu o medo ao código aberto, senão que aponta a se converter na empresa líder do movimento. Suas recentes ações ganharam a aprovação de diversos líderes e empresas. Microsoft entendeu que ganha mais apoiando a iniciativa que condenando-a, e busca tirar o maior benefício possível. A dúvida é se o resto da comunidade permitirá a seu velho arquiinimigo encabeçar o movimento.

Via | zdnet.com.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nus...
Eles estao loucos!
Como a MAGNATA do mundo dos software vai sobreviver se liberar alguns q sejam dos seus codigos-fonte.?
Nao podem fazer issu...
Apesar de mtos quererem issu...
Nao axo q seja adequado q façam issu...
E parabens Pelo NDig.com e MDig.com...

Deixe um comentário sobre o artigo