Como a Estação Espacial Internacional se conecta a internet?

LuisaoCS

A Estação Espacial Internacional é um dos projetos espaciais mais ambiciosos que o homem tem levado a cabo, sua construção começou em 1998 e tem um custo estimado pela ESA de 250 bilhões de reais durante os 30 anos que provavelmente está em operação. Alguns consideram que é o objeto mais caro jamais construído.


ISS

Mas é até engraçado saber que só foi há menos de um mês que a Estação Espacial Internacional passou a ter acesso a internet. Por que? Sem pensar em custos, é tecnicamente complicado conseguir conexões decentes para um objeto que está a 460 quilômetros de altura e se move a 27.700 quilômetros por hora. Também reside aí o fator segurança: não é de interesse da NASA ou do governo estadunidense que de alguma forma interceptem as comunicações feitas pelos astronautas no espaço ou que implantem um vírus nos computadores da estação.

Então, como conseguiram? A solução é bastante curiosa. Primeiro o tema segurança: a conexão não é direta, é por meio de uma sessão remota para controlar o desktop de um computador que está em Terra, usando software tipo VNC. Desta forma qualquer ataque, vírus, spyware ou malware afeta o equipamento em terra e não os portáteis na estação espacial internacional.

Para conseguir uma conexão de dados estável usam satélites sob a banda Ku (Kurz-unten band) que se encarregam da retransmitir informação desde a estação no espaço até a base de operações na Terra. De fato é a mesma tecnologia usada pelos provedores de acesso a internet via satélite. Dentro da estação há routers Wi-Fi (marca Netgear, para os curiosos) que foram instalados em 2008 e eram usados para envio de e-mails internos e videoconferências entre a Terra e o espaço.

O primeiro astronauta a utilizar a conexão a internet, Jeffrey Williams, enviou flores a sua esposa. Após isso os astronautas assumiram sua "geekeza" e começaram a twittear sem parar. Graças a essa conexão é que hoje podemos desfrutar das fotos que Souichi Noguchi publica quase que diariamente no TwitPic a partir do espaço.


 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo