O LHC fechará novamente por pelo menos um ano

LuisaoCS

LHC fechará em 2011

Ainda não é desta vez que vamos conseguir destruir a terra :-). A história por trás da chamada máquina de Deus segue contabilizando novos contratempos, já que ao final de 2011 -isso se antes um passarinho não fizer caca nas instalações- novamente deverá paralisar suas operações ao menos por um ano, com o objetivo de realizar uma série de reparos necessárias para operar a plena capacidade de energia.

A informação foi confirmada pelo diretor do Conselho Europeu para a Pesquisa Nuclear, Steve Myers, que explicou que a extensa paralisação é necessária para corrigir erros de construção que foram detectados no túnel e que se relacionam com a necessidade de fortalecer as uniões entre os ímãs utilizados no túnel.

Os cientistas a cargo do projeto esperam fazer com que o LHC funcione a 7 TeV durante este período com total segurança, mas para conseguir operar com o dobro desta energia será necessário realizar uma série de modificações. Myers explicou que os erros encontrados não tinham como ser ser detectados anteriormente, já que o LHC é o seu próprio protótipo, motivo pelo qual estão aprendendo com ele mesmo enquanto opera.

Via | FayerWayer.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Bem que eu tinha avisado os cientistas do LHC que não iria funcionar, pois pelos meus cálculos teria que funcionar com uma energia maior (8TeV), mas eles não deram importância aos meus avisos. rs

Cara, vai que não seja em 2011 e sim em 2012.
Será que é por isto que o Calendário Maia aponta um GAME OVER justo nesse ano?
Dizem que Atlântida se ferrou também, devido a alta tecnologia na força dos cristais que ficou fora de controle e BUUMMM!!!
Caramba, tamos ferrado!!!!
Acho que deveriam era aproveitar este treco e criar O TUNEL DO TEMPO.
Mas, se tudo der com os burros n'água a galera da internet agradece pois o Tim Lee deu o ponta pé da nossa inclusão digital justamente alí e depois, se espalhou pelo mundo como fogo em palha, transmitindo e difundindo mais tudo de bom e ruim que ele jamais imaginou.

Deixe um comentário sobre o artigo