Pesquisadores australianos estão desenvolvendo um olho biônico

LuisaoCS

Olho biônico Autraliano

Pesquisadores australianos criaram um protótipo de olho biônico que funciona através do implante de eletrodos que envia impulsos elétricos aos neurônios que estão na retina. O grupo Vision Australia Bionic está desenvolvendo a tecnologia que irá ajudar os pacientes que têm alguma doença degenerativa visão.


O diretor da pesquisa, Anthony Burkitt, disse que a idéia é dar a possibilidade às pessoas novamente reconhecerem ambientes, para evitar obstáculos e, portanto, recuperar a mobilidade. Ele acrescentou que estão desenvolvendo uma segunda geração possibilitará reconhecer rostos e grandes objetos.

Eles não são os únicos a trabalhar nesse sentido. Tanto a Alemanha como o Japão também estão envolvidos em projetos similares. A única diferença é o número de eletrodos usados, como eles são configurados e as informações que fornecem aos neurônios.

O aparelho utiliza uma câmara externa com uma resolução de 5Mpix que é montada no óculos mostrado na imagem acima e eletrodos implantados no olho que irá receber a informação por RF. Uma unidade externa analisa o que é visto pela câmera através de um software de reconhecimento que então envia a informação para os neurônios.

"A câmera em si não tem que ser muito poderosa, porque a qualidade da imagem não é crucial. O importante é o processamento da imagem feito pelo software que transforma em impulsos elétricos.

Por enquanto o que o deficiente vê não é o objeto em si, mas uma versão criada a partir de uma matriz pontos. Embora não seja perfeito, é um grande avanço e uma equipe de Burkitt já está trabalhando na segunda versão que permitirá ver até 10 vezes melhor.

Via | Wired.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Parece o óculos do filme Encontro às Escuras!

Deixe um comentário sobre o artigo