Como libertar um povo oprimido abrindo as águas

LuisaoCS

Moisés

No antigo testamento da Bíblia podemos ver os primeiros super-heróis do cristianismo e judaísmo realizando todo tipo de proezas. Lógico que em vez de raios gama tinham a graça de Deus, e que em lugar de usar cuequinhas por cima do pijama usavam túnicas ou togas, mas para o caso é praticamente o mesmo.

A gente poderia até dizer que o Capitão América da Bíblia é o Moisés, de fato eu estou quase seguro de que usava as tabelas dos mandamentos como um escudo de proteção e vez em quando lançava-as e voltavam a suas mãos.


O caso é que uma equipe de cientistas estadunidenses, possivelmente bastante aborrecidos e sem muito o que fazer, tentaram comprovar que o fato de abrir as águas do Mar Vermelho, momento maior da carreira do intrépido Moisés, foi possível.

Usando simulações de dinâmica de fluídos, o Centro Nacional dos Estados Unidos para a Pesquisa Atmosférica comprovou que é possível ser feito desde que aconteçam uma série de condições especiais.

Segundo o delírio o estudo, o Mar Vermelho é muito profundo, mas com um vento de 100 quilômetros por hora soprando na mesma direção durante 12 horas poderia ter deixado à vista uma "ponte" a mais de 3 quilômetros pertencente ao terreno submarino e que permitisse cruzar o mar.

Improvável sim, mas não impossível, ainda que tenha sido Deus soprando ou modificando o terreno com seu mouse divino. Pensando bem, se na mítica frase de He-man tivesse trocado Grayskull por Deus, nosso ídolo infantil teria sido um magnífico profeta.

Via | The Register.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Mardito fim de semana esperando cliente...(¬L¬)

O que me impressiona mesmo é a citação ao Capitão América.

Mais facista impossivel!

Deixe um comentário sobre o artigo