Uma orgia de vida no âmbar

LuisaoCS

Uma orgia de vida no âmbar

A descoberta de qualquer dessas criaturas congeladas no tempo é sempre emocionante, mas este caso específico trata de um autêntico catálogo dos insetos que viviam sobre a Terra há mais de 50 milhões de anos, o achado adquire características quase épicas. Pesquisadores da Universidade de Bonn extraíram ao redor de 150 quilos de âmbar na Índia e em seu interior encontraram mais de 700 espécimes de insetos perfeitamente conservados, muitos deles nunca vistos até agora.

Uma orgia de vida no âmbar

Formigas, aranhas, crustáceos e restos de plantas permanecem no interior do âmbar quase intactos, o que permitirá aos cientistas estudá-los em três dimensões e coletar preciosos dados.

Uma orgia de vida no âmbar

Por enquanto, o fato de que tenha tal variedade de espécies, muitas das quais se encontram em zonas muito dispersas do globo, levou-os a concluir que A Índia não estava tão isolada biologicamente como se cria durante a deriva continental que aconteceu na formação do Himalaia, e que tinha muito mais variedade biológica do que se pensava.

Uma orgia de vida no âmbar

E uma notícia ainda melhor: ainda restam toneladas de âmbar na zona do achado e milhares de criaturas agradando sua revelação.

Via | PNAS e Veja.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo