siseneG, o relato mais curto de Arthur C. Clarke

LuisaoCS

siseneG, o relato mais curto de Arthur C. Clarke

Após 10 anos, em 1984, Arthur C. Clarke escreveu um relato curto. Um micro relato, em realidade. Enviou-o ao diretor da revista Analog em março desse orwelliano ano e foi publicado um par de meses mais tarde. A carta era manuscrita, um par de folhas, uma na qual Clarke explica de próprio punho que é o primeiro relato curto que escreve em uma década, concedendo que não costumam ser tão curtos, e outra com o próprio relato.

Tem 31 palavras de extensão (29 em minha modesta tradução) e intitula-se "siseneG". Não entendeu? Então leia de trás para frente.


siseneG, o relato mais curto de Arthur C. Clarke
"E Deus disse: APAGAR linhas Um para Aleph. CARREGAR. EXECUTAR.

E o Universo deixou de existir.

Então ponderou durante uns poucos aeons, suspirou e acrescentou: ELIMINAR.

Nunca tinha existido."

(c) Arthur C. Clarke 1984

Algumas pessoas e sociedades discretas não concebem um Deus senão um Grande Arquiteto... talvez alguns informáticos estejam mais de acordo com esta visão do Grande Programador deixada pelo Grande Clarke.

Via | Letters of note.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

There's a terrific amonut of knowledge in this article!

Nota... aeons significa eternidade... ou nesse caso... "eras" ou seja "umas poucas eras"
E no primeiro só consegui entender: "This is the more short story I've written in ten years in so. I think you'll agree..." letrinha linda essa

engraçada essa visão do "grande arquiteto, me lembrou a maçonaria...

Deixe um comentário sobre o artigo