Os rostos de homens e mulheres se parecem cada vez mais

LuisaoCS

Os rostos de homens e mulheres se parecem cada vez mais

Pesquisadores da Universidade Estatal da Carolina do Norte (EUA) estudaram mais de duzentos crânios espanhóis e portugueses dos últimos quatro séculos e chegaram à conclusão de que as diferenças craniofaciais de homens e mulheres são cada vez menos pronunciadas.

Concretamente, a antropóloga Ann Ross e seus colegas comprovaram que desde o século XVI as diferenças nos rostos de homens e mulheres diminuiu bastante e que as mudanças afetaram principalmente às mulheres. A estrutura facial feminina na Espanha é bem maior hoje que há 400 anos. A melhora da nutrição e outros fatores ambientais poderia explicar estas modificações, sugere Ross.

Graças a este estudo será possível estabelecer melhor a quem pertencem os restos ósseos antigos encontrados. - "Ser capaz de dizer se um crânio pertenceu a um homem ou a uma mulher é útil tanto em investigação criminal como em estudos acadêmicos", conclui Ann Ross em um artigo publicado na revista Forensic Science International.

Via | Live Science.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo