Quando o ser humano aprendeu a cozinhar?

LuisaoCS

Quando o ser humano aprendeu a cozinhar?

Em que momento da evolução aprendemos a cozinhar nossa refeição e deixar de comer carne crua? Segundo um grupo de pesquisadores da Universidade de Harvard (EUA), a capacidade de cozinhar e processar alimentos permitiu ao Homo erectus, ao Neandertal e ao Homo sapiens realizar um grande salto evolutivo que lhes diferenciou de outros chimpanzés e primatas.

O Paleontólogo Frederick Kyalo apresentou no Museu Nacional do Quênia, os restos de um Homo erectus descoberto no ano 2000, próximo do lago Turkana, no Quênia. O primeiro antepassado dos humanos modernos que dominaram a arte da cozinha há uns 1,9 milhões de anos.


A partir da análise de DNA, o tamanho dos molares e a massa corporal de diferentes primatas, seres humanos e 14 hominídeos extintos, a Academia Nacional de Ciências creditou este estudo, sugerindo que o Homo erectus pode ter aprendido a cozinhar.

Este estudo baseia-se no fato de que cozinhar ao fogo e o uso de ferramentas implica um maior número de calorias consumidas e menos tempo necessário para caçar e comer. Além de uma redução no tamanho dos molares e um aumento da massa corporal.

Dentro dos primatas, os animais com um maior tamanho corporal possuem molares maiores e passam mais tempo comendo. Desta forma, os grandes símios de tamanho similar aos humanos passam cerca de 50% do dia consumindo calorias enquanto o Homo erectus e o Homo neandertalensis só 7% (os seres humanos empregamos 4.7% do dia).

De fato, suspeita-se que a habilidade para cozinhar pode ter sua origem em outras espécies que também viveram na África antes do Homo erectus, como por exemplo o Homo habilis ou o Homo rudolfensis.

Em qualquer caso, o estudo confirma que a arte de cozinhar e o emprego de suas ferramentas originou-se na época do Homo erectus, e antes de que nossa linhagem abandonasse a África.

Via | Science News Daily.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo