Cientistas criam avatar de cabeça falante mais realista até o momento

LuisaoCS

Cientistas criam avatar de cabeça falante mais realista até o momento

Pesquisadores do Departamento de Engenharia da Universidade de Cambridge e do laboratório de pesquisa da Toshiba criaram uma cabeça virtual falante com um ampla faixa emocional identificável pelos interlocutores humanos. O trabalho foi inspirado no computador "Holly" da série britânica de ficção científica Rede Dwarf.

Diferente do seriado, este avatar batizado como "Zoe" não é capaz de pensar por si próprio, mas sim pode recitar o que o pesquisador escrever em um teclado. Basta escrever uma frase, depois inserir uma emoção e Zoe o dirá utilizando as expressões faciais que correspondam.


- "Neste momento poderia ser usado para ler mensagens de uma forma expressiva. Também poderia ser utilizado como leitor para audiobooks, por exemplo. Estamos falando com organizações para crianças autistas e surdos, onde este tipo de tecnologia potencialmente poderia ser utilizado para ensinar as crianças a 'ler emoções' e ler os lábios", explicou o pesquisador Bjorn Stenger da Toshiba Research Europe.

O avatar chama-se Zoe por causa da atriz britânica Zoe Lister, que dispôs seu rosto e voz para ser utilizadas no projeto. Ela gravou 7.000 frases lidas de extratos de jornais e da lista telefônica. Depois utilizaram algoritmos para obter dados de voz e visuais, modelando a voz e o rosto de modo a poder recriar uma emoção e uma frase.

Durante as gravações, Lister teve que expressar seis emoções básicas: felicidade, tristeza, ternura, nojo, temor e neutralidade. Depois, estas podiam ser combinadas para criar padrões e expressões diferentes.

O sistema só entende texto, não voz, mas no futuro poderiam implementar instruções deste tipo. Desta forma, o assistente pessoal do smartphone (tipo Siri) poderia ter cara e emoções no futuro.

Ainda restam vários detalhes a ajustar como forma de criar uma imagem que se seja ainda mais natural e não gere a sensação de "vale da estranheza". Por enquanto, ainda não está tão natural e as expressões não estão totalmente bem sincronizadas, ainda que parecem estar no caminho certo.

Via | .


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Orra, uncanny valley, falta pouco.

Deixe um comentário sobre o artigo