O computador está vivinho da Silva

LuisaoCS

O computador está vivinho da Silva

Nos últimos tempos, o hoje homem mais rico do cemitério, Steve Jobs, vinha realizando uma campanha de marketing subliminar que visava minar o mercado de computadores e indiretamente fortalecer o de tablets e smarthphones. Hoje, Chester Ng, co-fundador e diretor de marketing da SweetLabs, escreve um interessante artigo no TechCrunch, onde fala sobre a tal morte dos PCs, que tanto foi alardeado depois dos últimas números de vendas de computadores no mundo:

"Muitos tentam fazer com que pensemos que a diminuição das vendas de computadores novos significa que estes estão sendo jogados pela janela ao mesmo tempo que as pessoas gritam obscenidades sobre o Windows 8 e fazem amor com seu novo telefone ou tablet.

A realidade é que no mundo pós PC o computador já não é o rei e tem que compartilhar o protagonismo com os smatrtphones, o tablet e o televisor. As pessoas compram e utilizam o dispositivo que melhor se adapta a suas necessidades, mas daí a dizer que o PC está obsoleto é um grande exagero. Vai demorar muito para que isso aconteça."

O caso é que ao usar menos o computador e ao dedicar mais dinheiro e atenção a outros dispositivos tornamo-nos menos exigentes com os computadores. O ciclo de substituição dos computadores diminuiu. O fato é que há pouco tempo trocávamos de PC quase que anualmente (ou menos) e agora, um computador velho com 4 ou 6 anos segue sendo válido e bem funcional. Não é à toa que o XP siga aí faceiro com mais de 30% da fatia de mercado.

Ademais, os dispositivos portáteis podem ter boa aplicação no lazer ou nas necessidades emergenciais, mas dificilmente encontrarão aplicação satisfatória no trabalho.

Fonte: TechCrunch.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo