Um Apple assinado por Steve Wozniak é arrematado por 671.400 dólares

LuisaoCS

Um Apple assinado por Steve Wozniak é arrematado por 650.000 dólares

A maioria das projeções realizadas pelos analistas ultimamente apontam que neste segundo trimestre do ano as vendas do iPhone vão experimentar uma baixa considerável, muito acima do que foi prognosticado há menos de meio ano. Isso, associado ao fato de que os resultados da Apple nos 3 primeiros meses do ano não foram muito bons e também a sensação de que não vão lançar nenhum produto inovador no restante de ano, propiciou com que as ações da companhia da maçã, depois de mais de uma década de crescimento contínuo, sejam cotadas agora em 40% abaixo do valor que tinham em setembro de 2012.

Mas as dúvidas que se acumulam sobre o futuro próximo da empresa comandada agora por Tim Cook não mitigaram em nada o preço que determinados colecionadores estão dispostos a pagar por produtos que consideram míticos, como por exemplo o Apple I.


Tal e qual o seu próprio nome indica, foi o primeiro produto da Apple. Desenhado e construído a mão por Steve Wozniak, foi colocado a venda em julho de 1976 a um preço de 666,66 dólares e fabricaram unicamente 200 unidades, das quais atualmente só existem entre 40 e 50.

É precisamente por este reduzido número de Apple I que ainda existem pelo mundo o que elevou até valores difíceis de imaginar o preço destes computadores primogênitos. Em novembro do 2010 o site de leilões Christie's vendeu um com o número de série 82 por 210.000 dólares.

Um valor que foi superado em junho do ano passado, quando em um leilão organizado pela Sotheby's um endinheirado comprador abonou 374.500 dólares por um Apple I em perfeito estado de conservação que ainda seguia funcionando. Em outubro, só 4 meses mais tarde, outro colecionador pagou 516.000 dólares e estabeleceu uma marca que parecia resultar muito difícil de superar.

Não foi bem assim. Nesta mesma semana um anônimo seguidor da multinacional de Cupertino desembolsou a quantia recorde de 671.400 dólares em um leilão realizado pela Auction Team Breker em Colônia para ficar com um modelo que tem a assinatura de Wozniak e que vem acompanhado do manual de uso original e uma carta de Steve Jobs. Como vemos, a crise não afeta a todos por igual.

Via | Bits.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo