WTF... mas que sapo é este?

LuisaoCS

WTF... mas que sapo é este?

Se dissermos que esta criatura vai voar a qualquer momento com suas asas de morcego quase poderíamos crer. Mas o protagonista da imagem não é um ser da ficção científica, senão um anfíbio bastante terrenal e bem conhecido de todos nós, um sapo-cururu ou boi (Rhinella marina) fotografado instantes após capturar um morcego.

Este sapo, na floresta, pode atingir um tamanho descomunal: o maior espécime observado pesava 2,65 kg e media 38 cm desde a parte traseira até o focinho (medo!). É um predador insaciável e oportunista e em algumas regiões, como na Austrália, onde é uma espécie invasora, se converteu em um grande problema.

A cena da fotografia foi captada por Yufani Olaya, um dos guardas do parque Nacional de Cerros de Amotape, no Peru. Ainda que existam registros de outras capturas de morcegos por parte de sapos (o último no Brasil em 2003), neste caso tratou-se de um encontro acidental.

Segundo Olaya, o sapo estava no chão com a boca aberta e um morcego que voava muito baixo foi de encontro com suas fuças e bau-bau... O reflexo levou o sapo a fechar a boca e tentar ingerir um jantar improvisado, mas finalmente terminou cuspindo-o e o morcego conseguiu viver para contar a aventura. Os biólogos recordam que este sapo come quase qualquer coisa que caia em sua boca, de modo que se toparem com um, não tentem aproximar um dedo.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo