Estudo determina que dizer a verdade melhora a saúde

LuisaoCS

Estudo determina que dizer a verdade melhora a saúde

Dizem por aí que a verdade vos fará livres e ao que parece não só isso, senão que também poderia melhorar nosso estado de saúde. De acordo a um estudo realizado por Anita E. Kelly, psicóloga da Universidade de Notre Dame, ser honesto poderia ajudar a evitar sintomas comuns como dores de cabeça ou garganta irritada.

O estudo ocupou 72 adultos de aproximadamente 41 anos divididos em dois grupos: Controle e Sinceridade. Aqueles atribuídos ao primeiro não tinham que fazer nada, só saber que seriam submetidos a um estudo. Os que foram atribuídos ao segundo tinham que falar a verdade e serem sinceros de todas as coisas que lhes ocorriam, não só em situações triviais senão em todos os momentos em que aquilo que dissessem pudesse ser levado a sério.

Durante cinco semanas os participantes foram submetidos a exames de saúde e de polígrafo. De acordo à psicóloga, os resultados foram surpreendentes já que os integrantes do grupo de Sinceridade reportaram menos problemas de saúde comparados com os de Controle. Dores de cabeça, de garganta ou náusea foram menos comuns durante a última semana.

A responsável pelo estudo também seguiu as instruções e comparando seu estado de saúde com o ano anterior assegura adoeceu menos. Kelly diz que uma pessoa mente em média umas 11 vezes ao dia e que converter-se em uma pessoa 100% honesta não acontece da noite para o dia, é um processo que precisa de tempo. Se esse processo assegura que adoeceremos menos, então vale a pena colocá-lo em prática.

Via | Psychology Today.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

É muito complicado não mentir em alguns momentos. Principalmente quando é pra gente mesmo e para que a realidade não magoe tanto.
Quem sabe eu seja saudável por mentir só o suficiente então.

"Ser honesto poderia ajudar a evitar sintomas comuns como dores de cabeça ou garganta irritada."

Logo, a famosa desculpa da dor de cabeça, dada por muitas mulheres, é mesmo uma mentira - CQD.

Deixe um comentário sobre o artigo