“O grito” de Munch animado e com trilha sonora

LuisaoCS

Sebastian Cosor, da equipe de animação Safe Frame, tem uma visão pessoal do "Grito" de Edvard Munch que demonstra neste curta-metragem de animação. Em minha opinião respeitou bastante, contribuindo-lhe um diálogo correto a respeito da morte e uma paisagem tão opressiva quanto a do quadro original.

A música escolhida para envolver o conjunto foi esse tema enorme de Pink Floyd chamado "A great gig in the sky". Como curiosidade, vale a pena dizer que a cantora Clare Torry foi contratada por uns 150 reais. No início da sessão, a banda tocou o instrumental para Clare e pediu para que ela improvisasse uma linha vocal.

Depois de 2 takes e meio os membros da banda ficaram impressionados com a performance da moça que tinha então 22 anos, mas eles foram tão reservados que, quando foi embora, Clare achou que nenhum de seus takes seriam aproveitados. Ela só soube quando viu o álbum numa loja de discos, e por acaso viu seu nome nos créditos.

Em 2004, Clare que só recebera os 150 contos, processou o Pink Floyd por royalties da composição, com base no fato de que sua contribuição vocal caracterizava uma coautoria com Richard Wright. Um ano depois eles chegaram a um acordo em favor de Clare, e pese que os termos não tenham sido revelados, ela recebeu dinheiro o bastante para que pelo menos 3 gerações suas não precisem trabalhar.

Todas as publicações a partir de 2005 listam a canção como sendo de autoria de Richard Wright e Clare Torry.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo