Cães têm 93% de efetividade na detecção precoce de câncer

LuisaoCS

Cães têm 93% de efetividade na detecção precoce de câncer

A intrigante especialidade canina para detectar tumores e câncer de próstata é resultado do super-desenvolvido senso do olfato canino, representado por mais de 220 milhões de receptores olfativos, surpreendeu o ser humano em inúmeras ocasiões, fazendo dos cães uma inestimável ferramenta de trabalho.

As histórias memoráveis giravam em torno do resgate de pessoas perdidas ou detecção de drogas e explosivos, no entanto, os cães têm outra fascinante capacidade relacionada com seu sublime sentido do olfato: detectam tumores.

Esta aptidão canina é um fato, e sua explicação se origina em que as células cancerígenas segregam compostos orgânicos voláteis capazes de ser percebidos pelos cães, através da urina ou o hálito humanos.

Segundo The Guardian, esta aptidão canina foi reconhecida pelo National Health Services, motivo pelo qual os cães treinados para este trabalho de índole médica serão utilizados em testes experimentais.


O estudo piloto desenvolvido no Hospital Milton Keynes (Inglaterra), é muito alentador: os cães treinados foram capazes de detectar a presença de câncer de próstata a partir de amostras de urina em 93% dos casos, percentagem bem mais elevada do que o obtido mediante o método tradicional de detecção do antígeno prostático (PSA), que proporciona muitos falsos positivos. Um estudo publicado na revista científica Gut reportou que os cães detectaram a presença de câncer colorretal com uma precisão de 91%.

A Dra. Claire Guest, fundadora da equipe canino Medical Detection Dogs, viveu ela própria a incrível história: sua cadela Daisy levou-a descobrir que sofria de câncer de mama, por comportamentos e atitudes estranhas, como pressionar com o focinho uma zona de seu peito. Ao fazer o autoexame da mama, a Dra. Claire detectou um caroço que, posteriormente, resultou ser câncer de mama.

- "O ser humano esquece que os cães são sofisticados bio-detectores: podem detectar uma gota de sangue diluída em um volume de duas piscinas olímpicas. Por isso, prometem ser bem mais confiáveis que qualquer dos testes médicos existentes hoje em dia", afirma Claire.

No relativo ao câncer, a detecção precoce é tudo, porque o câncer é uma doença curável. Infelizmente o prognóstico costuma ser fatal porque o mal é detectado em etapas muito avançadas.

A Medical Detection Dogs é agora uma realidade na Inglaterra: foca-se no treinamento de cães para a detecção de câncer de mama e próstata. Mas a ciência não é estática, e a meta em longo prazo é desenvolver dispositivos nano-tecnológicos que atuem como um "nariz de detecção", e o papel dos cães é ajudar a caracterizar todos os cheiros característicos das células malignas.

Via | Guardian.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Ou será que eles que transmitem o cancer???

Deixe um comentário sobre o artigo