Por este motivo não devemos nunca polvilhar açúcar de confeiteiro em um bolo de aniversário

LuisaoCS

Há algo mais incômodo que o momento em que estamos esperando que todo mundo termine de cantar "Parabéns" para soprar as velinhas do bolo? Creiam-me, poderia ser pior. Sua mãe poderia, por exemplo ter polvilhado o bolo com açúcar glacê, conforme aconteceu com George que esperava ansioso que a mãe trouxesse o bolo que ela fez com tanto esmero.

Quando a mãe colocou o bolo a sua frente, ele se aproveitou para apanhar todo o ar que cabia em seus pulmões, antes de soprar as velas. Um milésima de segundo depois a cara de George estava envolvida em uma bola de fogo. Só durou um momento, mas o suficiente para deixar todos os presentes sem fala, especialmente o homenageado.

O que aconteceu ali é que, quando o rapaz soprou, criou uma nuvem de açúcar que se incendiou por ação das chamas das velas. Por sorte, tudo ficou apenas em um susto e todos puderam rir momentos mais tarde.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo