Estação espacial chinesa está fora de controle e ninguém sabe onde cairá

LuisaoCS

Estação espacial chinesa está fora de controle e ninguém sabe onde cairá

A estação espacial chinesa Tiangong-1, de 8 toneladas e meia, acelerou sua queda à Terra e esperam que caia em poucos meses. Em 2016, os funcionários públicos chineses admitiram que tinham perdido o controle de Tiangong-1. Desde então, a agência espacial chinesa notificou à ONU que espera que a estação caia entre outubro de 2017 e abril de 2018.

Desde então, a órbita da estação vem se aproximando cada vez mais da Terra. Nas últimas semanas a estação adentrou nas camadas mais densas da atmosfera e começou a cair mais rápido. Segundo o astrofísico da Universidade de Harvard, Jonathan McDowell, atualmente o ponto mais próximo à Terra na órbita de Tiangong-1 encontra-se abaixo de uns 300 quilômetros.


Ainda que esperam que uma grande parte do laboratório espacial queime na reentrada, McDowell considera que algumas de partes de até 100 kg podem cair à superfície terrestre, acrescentando que é impossível localizar o lugar preciso onde ocorreria o impacto.

A Tiangong-1 foi lançada em 2011 e foi usada para missões tanto tripuladas como não tripuladas. Ademais, a primeira mulher astronauta da China, Liu Yang, visitou-a em 2012.

Em 23 de março de 2001, a estação espacial russa MIR (esta palavra em russo pode ser traduzida como "paz" ou "mundo") precipitou-se à Terra. Acabou se desintegrando na atmosfera e suas partes caíram sobre o oceano Pacífico.

Via | Guardian.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo