Estudo revela que limpar a chupeta ao bebê com saliva reduz o risco do desenvolvimento de alergias e asma

LuisaoCS

Estudo revela que limpar a chupeta ao bebê com saliva reduz o risco do desenvolvimento de alergias e asma

Os bebês cujos pais limpam a chupeta com a boca após que caiam no chão são menos propensos ao desenvolvimento de alergias e asma, concluiu a organização de atenção médica Henry Ford Health System, de Míchigan, nos EUA, em um estudo apresentado na reunião do Colégio Americano de Alergias, Asma e Imunologia.

Ao limpar a chupeta com sua própria saliva, os pais reduzem os riscos de desenvolvimento de alergias nos organismos dos bebês, transferindo os micróbios orais saudáveis que contribuem à estimulação do sistema imunológico das crianças.


No estudo participaram 128 mães que responderam à pergunta de como limpavam a chupeta. Propuseram três opções: esterilizar com água fervente, lavar com água e sabão e chupá-la. Os resultados: 30 mães esterilizavam, 53 limpavam com água e sabão e 9 chupavam.

Os pesquisadores compararam os níveis de imunoglobulina (IgE) dos bebês no nascimento, aos seis meses e aos 18 para cada um dos métodos. E descobriram que os bebês cujos chupetas foram higienizadas com saliva de seus pais tinham níveis mais baixos de IgE entre os 10 meses e os 18 meses.

Fonte: HFHS.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo