Veja como é feita uma ecografia no maior tubarão do mundo

LuisaoCS

Veja como é feita uma ecografia no maior tubarão do mundo

Uma equipe de cientistas e mergulhadores propôs-se a estudar uma das criaturas marinhas mais fascinantes do planeta, que por sua vez é uma das menos conhecidas: o maior tubarão do mundo (Rhincodon typus), melhor conhecido como tubarão-baleia. É por isto que realizaram as primeiras ecografias de uma fêmea desta espécie.

Os tubarões baleia medem em média uns 12 metros de comprimento, mas como costumam-se deslocar a uma grande profundidade -mais de 1.800 metros-, os biólogos marinhos têm certa dificuldade em seu estudo, em especial no que diz respeito a seu sistema reprodutivo.


Por isto, um grupo de biólogos marinhos se aventurou a realizar as primeiras ecografias de um desses animais na história, mergulhando equipados com um sistema de propulsão (ou jet pack) submarino, tanques de oxigênio e uma máquina de ecografia ou ecossonografia. O processo foi algo fascinante.

O interesse em estudar seu sistema reprodutivo relaciona-se a que a população de tubarões-baleia vem diminuído drasticamente durante as últimas quatro décadas, em especial por culpa do tráfego marinho de embarcações, além da pesca predatória da espécie.

A equipe de Simon J. Pierce, biólogo marinho de uma fundação da Califórnia, que trabalhou junto a Rui Matsumoto, um biólogo japonês especializado em realizar ecografias de jamantas, tubarões e outras espécies, conseguiu realizar as imagens em uma fêmea da espécie, ainda que não estava grávida. Também conseguiram coletar amostras de sangue e marcá-la para fazer um rastreamento de sua localização via satélite.

Mediante este estudo, os pesquisadores planejam estudar como, quando e onde se reproduzem os tubarões-baleias para, deste modo, tentar proteger à espécie durante este período tão importante para sua conservação.

Via | SciAl.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo