Descobrem a razão pela qual os tomates perdem o sabor na geladeira

LuisaoCS

Descobrem a razão pela qual os tomates perdem o sabor na geladeira

Um dos argumentos mais repetidos a respeito de que a agricultura ecológica é melhor em frente à convencional, ou inclusive a transgênica, é o sabor: os tomates já não tem o mesmo gosto de antes. No entanto, a verdadeira razão de que os tomates fiquem sem sabor (e resultem mais acessíveis que os homólogos orgânicose) é que são armazenados na geladeira para que durem mais tempo.

O frio, torna os tomates muito menos saborosos, e não o tipo de agricultura. E faz um par de anosa, um grupo de pesquisadores da Universidade da Flórida descobriu a razão segundo um estudo que publicaram na conceituada Proccedings of the National Academy of Sciences.


As baixas temperaturas de uma geladeira dificultam as enzimas que ajudam a sintetizar os compostos aromáticos voláteis, muito importantes para que sejam gostosos. Em realidade, o frio afeta à atividade de alguns dos genes do tomate. Para descobrir as bases genéticas deste processo, Harry J. Klee, líder da pesquisa conservou diferentes variedades puras de tomates maduros vermelhos a 5°C durante 1, 3 ou 7 dias.

A medida dos compostos voláteis revelou que sete dias após a exposição ao frio os níveis reduziram em até 65%. A refrigeração reduziu a expressão de vários genes implicados na síntese de voláteis, bem como o interruptor do gene RIN, a ação relacionada ao amadurecimento do fruto, entre outros fatores.

A solução proposta não é que os tomates devam ir direto da horta à mesa, senão evitar que a geladeira reduza o sabor dos tomates. Para que continuem sendo baratos e possam ser distribuído mais facilmente. Não se coloca tomate na geladeira. Como todo bom fruto, tomates devem ser colocados na fruteira com a cabeça para baixo.

Via | Phys.


Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo