Quão alto é o risco de efeitos colaterais de vacinas?

LuisaoCS

Você já deve ter ouvido alguém, dizer que: - "A melhor parte de tomar uma vacina não é o pirulito,senão a parte em que você não fica doente nem morre." Basta perguntar a alguém que se lembra do pânico de surtos de doenças no passado, como a de pólio, catapora, sarampo ou varíola.

No entanto, nada neste mundo é totalmente livre de risco. A maioria dos medicamentos desenvolve efeitos colaterais em algumas pessoas, e mesmo que o número dessas pessoas seja muito pequeno, a ciência toma nota.

O coletivo Kurzgesagt nos mostra como funcionam as vacinas, usando o sarampo como exemplo e explica as chances de efeitos colaterais em números que podemos entender. De fato, o efeito colateral mais comum da vacina é menos crianças mortas.



Notícias relacionadas:

 

Comentários

Nenhum comentário ainda!

Deixe um comentário sobre o artigo