«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 38 | 39 | 40 | 41 || Next»

Carpuccino: o carro movido a café

LuisaoCS

Carpuccino

O programa da televisão britânica BBC1 Bang Goes The Theory construiu um carro cujo motor é movido a café. O Carpuccino, uma modificação de um Volkswagen Scirocco de 1988 foi feito para recordar que é possível mover carros com combustíveis alternativos.

Uma viagem no Carpuccino custa 50 vezes mais do que custaria fazer sobre sua versão à gasolina. É necessário um quilo de café moído para que ande 5 quilômetros. Dito de outra forma, para cada 2 quilômetros é necessário o equivalente a 6o cafezinhos. No entanto, apesar de não usar um combustível convencional, é possível atingir uma velocidade máxima de 95 km/h, ainda que há a necessidade de parar de vez em quando para limpar seus filtros (igual uma cafeteira, só que rodante).

Via | Daily Mail.


Nokia registra a patente de uma bateria auto-regenerativa

LuisaoCS

Nokia

A Nokia está no meio de uma briga ferrenha por uma boa coleção de patentes, começando pelo que eles mesmos definem como um "recopilador piezelétrico de energia cinética". Este sistema compartilha o mesmo princípio dos relógios cinéticos: a Nokia pretende fazer com que os celulares sejam capazes de carregar a sua bateria somente com o movimento. A ideia é que os componentes internos se movam através de pequenos trilhos dentro do aparelho aproveitando o movimento para gerar energia.


Ladrilhos inteligentes que mudam de cor e mostram imagens

LuisaoCS

Convite de casamento com jogo

É questão de tempo ... tarde ou cedo alguém conseguirá popularizar e baratear uma tecnologia que permita mudar a cor das paredes de sua casa ou inclusive programar para que mude automaticamente ou para que mostre imagens ou vídeos.


Homem aranha dos dias atuais

LuisaoCS

Jem Stensfild, um inventor Inglês, criou um dispositivo que não tem preço para os fãs do Homem-Aranha. Com a ajuda de ventosas de vácuo especiais Jem surpreendeu todo mundo ao subir no terraço de um edifício "caminhando" por uma parede plana e vertical.

Esta proeza só foi possível utilizando uma espécie de aspiradores. Segundo o inventor quase qualquer aspirador barato conta com suficiente potência para suportar o peso de uma pessoas.


O famoso crítico de cinema Roger Ebert recupera sua voz graças à tecnologia

LuisaoCS

Seguramente muitos leitores conheçam o mítico crítico de cinema Roger Eber e que há alguns anos foi diagnosticado com um feroz câncer da tiróide sendo obrigado a passar em várias ocasiões pelo cirurgião o que lhe deixou muito debilitado fisicamente e sem a possibilidade de falar.

Desde que perdeu a fala Roger vinha se comunicando com seus amigos e familiares mediante o sintetizador de voz Alex incluído em todos os Mac OS X, mas este programa somente lhe permitia "falar" em inglês e com uma voz que não era a sua. Aqui começa o curioso desta história.

Acontece que certo dia Roger descobriu a empresa irlandesa CereProc especializada na transcrição de texto para voz enquanto navegava pela Internet e ocorreu lhe que se esta companhia era capaz de criar softwares capazes de transformar texto em voz, por que não poderiam fazer o mesmo com sua própria voz?

Desafio difícil, para não dizer impossível, mas mesmo assim a CereProc topou e encontrou uma genial solução: obtiveram um "dicionário básico de palavras" pronunciadas por Roger de diversas gravações existentes dele falando (entrevistas em programas de rádio, de TV etc).

Depois de alguns meses de trabalho o resultado foi um sintetizador que usa a própria voz de Ebert com o qual já pode se comunicar. O seguinte vídeo mostra o emocionante momento quando Roger Ebert, no programa da Oprah, fala a sua mulher utilizando o novo sintetizador: