«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 595 | 596 | 597 || Next»

Parafusadeira magnética permite que você construa facilmente móveis sem qualquer orifício visível

LuisaoCS

Esta nova parafusadeira magnética permite juntar duas peças ou mais sem qualquer orifício visível. Com ela é possível aparafusar e soltar conexões facilmente, com um desgaste mínimo. O sistema inovador acaba com a necessidade de grampos especiais e o tempo de espera para a cola secar. Invis Mx2s é projetada para trabalhar com madeira e cerâmica, com usos sugeridos para escadas, trilhos e móveis.

O acessório da parafusadeira é um mini campo magnético, que quando passa sobre a superfície de madeira ou cerâmica, gira o parafuso lá dentro. Para soltar a conexão, basta inverter a rotação do atuador e passar no mesmo local, facilitando a montagem e desmontagem de peças.

Um kit completo custa 495 dólares (1.600 reais) ou você pode comprar apenas o atuador por 135 (450 reais). Há um revendedor da Lamello no Brasil, mas não sei se já está comercializando o produto.


Como faz: elásticos de dinheiro

LuisaoCS

Na próxima vez que você lançar uma elástiquinho, assista este vídeo como um lembrete do trabalho manual que entra na produção desses materiais de escritório elásticos, que começam com o extrato da seringueira, que é tingida para o revestimento de hastes de madeira, retirada em tubos e finalmente cortada em fatias finas.


Esta estranha criatura da Nova Zelândia é capaz de ressuscitar e regressar da "morte"

LuisaoCS

Contam que Nova Zelândia foi isolada faz mais de 80 milhões de anos. Talvez por essa razão nunca teve criaturas como as do restante do planeta. Em troca, a evolução animal seguiu seu próprio caminho com o desenvolvimento de habilidades tão inesperadas como as deste inseto, capaz de regressar da "morte": os weta de montanha, possivelmente, a adaptação mais extrema de toda a estranha fauna invertebrada que reina na Nova Zelândia.

Basicamente, estamos ante um inseto com a capacidade de sobreviver congelado. De fato, pode fazer frente a ciclos repetidos de congelamento e descongelamento e sair vivo sem problema, podendo suportar o "frio" em 80% de seus tecidos.

Por que? Os animais entram em um processo denominado como criptobiose para resistir os fortes invernos. Desta forma são capazes de hibernar em um estado de suspensão animada em que, pese o total congelamento e o desaparecimento de sinais vitais, não se produz a ruptura de suas células nem de seus tecidos devido à cristalização da água que contêm. Alucinante.


Como programar um jogo tipo Snake em 4 minutos e meio em JavaScript

LuisaoCS

Utilizando o que viriam a ser paus e pedras digitais neste vídeo de Udemy, Christian nos ensina como escrever todo o código de um jogo tipo Snake em tempo recorde. Bastam 270 segundos. As ferramentas são o editor de textos básico, JavaScript e um navegador moderno. O trabalho é feito com "facão", sem bibliotecas de ajuda, nem componentes, nem Flash e nem nada disso. Como nos velhos tempos do medievo da programação.


8 truques para afiar as lâminas de suas tesouras com objetos cotidianos

LuisaoCS

Se sua tesoura deixou de cortar da noite para o dia, não a substitua ainda, pois o mais provável é que tão só tenha perdido o fio. E existem modos de afiá-la sem comprar nada especial, pois você poderá fazer com coisas que tem em casa.

Com estes truques, 8 ao todo, é possível fazer com que as tesouras voltem a cortar como no primeiro dia. Por exemplo, bastaria uma velha pilha: passem a lâmina sobre a superfície da bateria e verá que o problema está resolvido em matéria de segundos. Veja acima.


Caminhantes se deparam com uma cena rara de uma coruja nadando através de uma garganta

LuisaoCS

Os caminhantes que cruzavam um cânion alagado próximo ao lago Powell, entre o Arizona e Utah, nos Estados Unidos, se depararam com uma visão rara. De acordo com a Nat Geo, é provável que um jovem corujão-orelhudo tenha caído de seu ninho. Ver uma coruja assim é bem é incomum, e elas não têm como se defender enquanto estão na água. Nem também conseguem alçar voo enquanto nadam. Elas devem deixar a água e secar suas penas antes de voar.


O vôo de um multicóptero tripulado

LuisaoCS

AmazingDIYProjects gastou incontáveis horas construindo esse engenho voador elétrico usando dezenas de motores de drone. Ele capturou imagens do vôo tripulado realizado pela máquina e com muita sorte não foi degolado no processo. Ele faz primeiro 3 voos de teste na área fixa e então toma coragem para ir mais longe em um voo rasante em 15:30, as imagens FPV aparecem em 22:30. O cara é maluco.


Os firmes passos de uma robô autônoma chamada Valkyrie

LuisaoCS

Esta robô chamada Valkyrie é uma criatura mecânica da NASA e IHMC Robôs. Neste vídeo mostra como são seus lentos, mas firmes passos por um caminho de tijolos colocados mais ou menos a esmo. Uma das características de Valkyrie é que é completamente autônoma, capaz de planejar o percurso graças a um LIDAR, o mesmo tipo de sensor que equipam os carros autônomos. O operador só tem que indicar qual é o objetivo ("chegar à última pedra") e a robô planeja onde colocar os pés e com a inclinação segundo como seja o plano da superfície.

Ainda que seus movimentos parecem lentos -às vezes parece inclusive preguiçoso- também são muito estáveis e fluídos. E não parece ter dúvidas sobre que caminho seguir depois de cada passo. Pergunto-me que aconteceria se um destes robôs fosse enviado a Marte ou outro planeta, poderia no futuro a raça robótica reclamar esse planeta como propriedade por "ter pisado primeiro"? Seria motivo de guerra com futuros povoadores?

Por enquanto o mais prático será que a humanidade se mantenha a uma distância prudencial, visto seu poderio.


O interessante pinguim-bomba de origami

LuisaoCS

As figuras de papiroflexia criadas por Haruki Nakamura são divertidas e originais porque, diferente das tradicionais, estas mudam sua morfologia em dado momento. Em um primeiro estágio, a figura encontra-se em um formato 2D, totalmente plano. Ao deixar sobre a mesa ativam-se os recortes que fazem aparecer, como por arte de magia, a figura completa em 3D.


Solução de baixa tecnologia para fechar adequadamente a porta de um BMW depois de parar nos boxes

LuisaoCS

Este piloto de uma corrida do FIA GT teve que recorrer a medidas drásticas quando a porta do BMW Z4 de sua equipe (Brasil) não fechou corretamente depois da parada para a troca de pneus e piloto nos boxes. Ainda que tenha acontecido faz já quatro anos Sergio Jimenez ainda recorda vividamente:

- "Após uma boa largada a parada no boxes parecia fenomenal, mas quando fui fechar a porta não se fechou, como pode ser visto no vídeo. Então tentei empurrando com o ombro e... nada. Em minha mente só tinha um pensamento em esse momento: 'vou fechar esta porra de porta de qualquer jeito'. Foi minha determinação que conseguiu, por estar completamente focado!"

Pragmático o bom homem. Baixa tecnologia, mas funcional.


«Prev || 1 | 2 | 3 |...| 595 | 596 | 597 || Next»

Links: